Aleteia

Jesus nos diz: “É em tua casa que celebrarei a Páscoa”

FAMILY,GRACE,DINNER
Shutterstock
Compartilhar

Neste ano, os dias sagrados da Páscoa se tornaram uma oportunidade (trágica e dolorosa, mas não menos importante) para redescobrir seu lar como igreja doméstica

Em tempos de confinamento devido ao coronavírus, sua casa é sua igreja!

Como você celebrar a Paixão, a Morte e a Ressurreição de Jesus? Felizmente, você tem a transmissão pela televisão ou Internet. Mas isso é suficiente?

Nas últimas semanas, muitas paróquias (incluindo a minha) criaram canais no YouTube e começaram a transmitir missas ao vivo e outras celebrações. Além disso, graças a Deus, você também pode assistir a transmissões de televisão das missas do Papa.

Agora, seus padres sabem muito bem o quanto você sente falta de participar de uma liturgia real. Sabemos que você gosta de assistir à missa “ao vivo” da sua igreja paroquial ou do Vaticano e fazer uma comunhão espiritual. Estamos muito satisfeitos por poder ajudar dessa maneira nestes tempos difíceis.

Mas, ao mesmo tempo, sabemos muito bem que qualquer transmissão em uma tela é apenas um substituto composto por aparências, sem o essencial.

O Senhor está verdadeiramente presente entre vocês

Que tristeza não podermos celebrar juntos as liturgias da Semana Santa, com nossa comunidade paroquial, em nossa amada igreja, quando tanto precisamos desta graça neste tempo de provação!

É verdade que poderemos acompanhar essas celebrações através da tela da televisão, do computador ou até do celular. Mas, no fundo, sabemos bem que não é o mesmo que uma celebração que reúne pessoas reais, em um lugar real, com a presença real do Senhor.

Cuidado! Não estou dizendo que você não deve assistir a transmissões ao vivo em suas telas. Claro que você deve. São possibilidades que temos para nos santificar, apesar do nosso confinamento.  Mas tenho uma pergunta importante a fazer: você realmente acha que basta seguir a liturgia na tela?

Eu imploro: neste ano, não experimente o Santo Tríduo apenas em uma tela, mesmo que a transmissão seja da mais alta qualidade. Organize em casa orações e celebrações em família com as pessoas ao seu redor. Duas ou três pessoas são suficientes para você convocar uma assembleia de oração, com Jesus presente. Eu imploro: responda ao desejo de Jesus

Meditando sobre o Evangelho do Domingo de Ramos, fiquei impressionado com esta frase pronunciada pelo Senhor Jesus:

“É em tua casa que celebrarei a Páscoa com meus discípulos”
(Mateus 26,18).

Tome esta frase como se Cristo estivesse pessoalmente dirigindo a você. Este ano, Jesus quer celebrar a Páscoa em sua casa.

Neste tempo cheio de provações, sua casa se tornará sua igreja. Foi o que aconteceu durante os primeiros séculos do cristianismo: os cristãos se reuniram para orar e celebrar em seus lares. Eles não tinham igrejas; suas casas eram suas igrejas. Até uma basílica romana, como o próprio nome sugere, era o lar de um príncipe. O termo “casa” passou a ser usado para descrever a maior casa em que os fiéis se reuniam para celebrar a Eucaristia, “Domus Ecclesiae” (Casa da Igreja).

Neste ano, os dias sagrados da Páscoa se tornaram uma oportunidade (trágica e dolorosa, mas não menos importante) para redescobrir seu lar como igreja doméstica, um local de presença e ação do Deus vivo. É verdade que, se não houver sacerdote disponível, você não poderá participar da celebração da missa. No entanto, nessas circunstâncias excepcionais, além das orações pessoais e familiares e da celebração da Liturgia das Horas, a Igreja providenciou para que você pudesse organizar uma autêntica celebração da Palavra.

Este ano não seremos capazes de experimentar os grandes momentos da liturgia da Páscoa em uma igreja, mas a Páscoa acontecerá de qualquer maneira. Onde? Em sua casa. O fato de não podermos estar em uma igreja não nos impede de celebrar, com um coração e um espírito, com todos os batizados que celebram a Paixão, a morte e a Ressurreição de seu Salvador. Talvez precisemos redescobrir essa verdade? Pode ser uma das coisas boas (certamente não a única) que Deus trará para nesta provação, para beneficiar a nós em nossa salvação?

Boletim
Receba Aleteia todo dia