Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quarta-feira 12 Maio |
São Pancrácio
home iconEstilo de vida
line break icon

Como é o amor verdadeiro?

manos que forman un corazón

© Ed Gregory

Talita Rodrigues - publicado em 29/04/20

O amor verdadeiro não te tira nada, complementa e aperfeiçoa o que existia antes de ele chegar

Quantos de nós já tivemos momentos em que buscamos, de forma intensa, pelo verdadeiro amor?
Quantos de nós, após essa busca incessante e após tantos enganos, com um vazio enorme no peito, percebemos que estamos buscando o amor errado, da maneira errada, nos lugares errados e nas pessoas erradas?
Geralmente só nos damos conta disso quando nada nos basta e quando tudo inquieta o coração. Só então, perguntamos a nós mesmos(as): “Afinal, qual é o amor que eu estou buscando? Qual é o amor com o qual eu tenho sonhado a vida inteira? Qual é o amor que, de fato, preencherá o vazio existente em mim?”
Como psicóloga, conheço e conheci muitas pessoas que depositaram toda as expectativas do preenchimento deste vazio em relações completamente falidas. As pessoas tendem a confundir questões relacionadas ao amor, como se o amor suportasse “tudo”.  E a dependência emocional tende a confundir as coisas. Afinal, o preço a se bancar após “deixar quem amamos ir embora”, afim de nos priorizarmos e seguirmos a história de Deus para nós, quase sempre custa caro demais e se torna insuportável passar por isso.
É claro que as Sagradas Escrituras nos dizem que o amor suporta tudo. E eu concordo. O amor suporta frentes frias, vendavais, a doença, a pobreza e as épocas ruins de uma relação. Contudo, as Sagradas Escrituras NÃO dizem que o amor suporta mentiras, desvio de caráter, egoísmo, traição e vícios.
Para sermos felizes e para continuarmos em comunhão com Deus é de extrema importância que (re)conheçamos primeiramente que o Único que possui o amor que tanto buscamos é Jesus Cristo. Em segundo lugar, devemos buscar (re)conhecer o que o amor verdadeiro suporta e até onde é realmente amor, segundo as Sagradas Escrituras. Afinal, o amor verdadeiro não te tira nada. O amor verdadeiro complementa e aperfeiçoa o que existia antes dele chegar.
Quando nos damos conta de que somos amados por alguém que deu sua própria vida por mim e por você, e que pagou um preço muito alto por nós, pois nos ama incondicionalmente, não aceitamos absolutamente nada que venha para nos tirar da vontade de Deus e para nos separar Dele.
Afinal, como não amar o Único que se entregou por mim e por você em uma cruz? Como não amar aquele que aceitou chicoteadas, pregos em suas mãos e seus pés, uma coroa de espinhos e muitas humilhações em troca da nossa remissão? Como aceitar o fato de que existem pessoas que ousam não amá-lo com todo o coração? Como ousamos não nos sentirmos amados(as)?
Para você que leu esse texto até aqui, que sonha em experimentar o verdadeiro amor dentro do matrimônio – se for a sua vocação – Deus te honrará com um homem ou uma mulher segundo a Sua vontade. Deus te dará uma família abençoada.
Contudo, antes, é preciso (re)conhecermos o verdadeiro amor – amor que só conhecemos quando amamos verdadeiramente a Jesus Cristo.
Por isso, quando o vazio vier e te tirar o fôlego, quando você sentir falta de um amor de verdade, lembre-se sempre do único que te ama e te amou desde todo o sempre: Jesus Cristo.
Quando começarmos a nos lembrar deste amor em tempos difíceis, estaremos prontos para acolher o amor verdadeiro em forma humana, quando Ele nos enviar.
Tags:
AmorBíbliaJesus
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Lucía Chamat
A curiosa foto de “Jesus” que está comovendo a Colômb...
2
ELDERLY,WOMAN,ALONE
Aleteia Brasil
O pe. Zezinho e a mãe que espera há 30 anos, sem sucesso, pelo pe...
3
Bebê anjo
Reportagem local
“Tchau, papai”: as últimas palavras que Maurício ouvi...
4
PADRE PIO
Philip Kosloski
A oração que Padre Pio fazia todos os dias ao Anjo da Guarda
5
Reportagem local
Triste, surpreendente, inspirador: o drama e o recomeço da menina...
6
OPERA SINGER
Cerith Gardiner
Cantora de ópera faz apresentação incomum e homenageia Maria e as...
7
Reportagem local
3 fatos cientificamente inexplicáveis sobre a imagem de Guadalupe
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia