Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sábado 19 Junho |
São Romualdo
home iconHistórias Inspiradoras
line break icon

Nunca se sabe aonde um terço pode chegar

LEKARZ Z RÓŻAŃCEM

Shutterstock

Claudio de Castro - publicado em 14/05/20

A impactante história de um escritor que presenteou uma enfermeira com um terço e hoje ela o carrega em seu trabalho, um hospital que atende pacientes com Covid-19

Era uma quarta-feira. Sei bem, pois as quartas são os meus dias favoritos, quando eu visito Jesus Sacramentando. Creio que em alguma ocasião já devo ter te contado isso: grande milagres acontecem às quartas-feiras (pelo menos para mim).

Tenho comprovado que as melhores coisas da minha vida, geralmente, acontecem às quartas-feiras. A melhor de todas? A Hora Santa, quando posso ficar de frente com Jesus, olhando-o (sabendo que ele me observa), falando com ele e amando-o (sabendo que ele me ama muito mais do eu jamais poderei amá-lo.

As Quartas Eucarísticas são, para mim, dias de encontro com o Bom Jesus. Eu as aproveito para dizer a Ele que o amo e o agradeço por tantos favores e graças que Ele concede a todos – a você e a mim.

Pois bem: às 9h da manhã daquela quarta-feira, o telefone da minha casa tocou. Do outro lado da linha, ouvi a voz suave de uma jovem mulher:

– Sou catequista de um grupo de jovens crismandos. Todos de um bairro pobre. Eles estão para se formar e eu gostaria de presenteá-los com alguns de seus livros sobre a fé autografados pelo senhor, se possível.

Adorei a ideia, que me impressionou pela nobreza do gesto. Em seguida, aceitei-a. A catequista, então, me mandou uma lista com os nomes dos alunos. E eu passei um tempo deixando mensagens personalizadas em cada livro. Queria tocar coração de algum jovem.

Nos encontramos aquela tarde na Igreja de Nossa Senhora de Lourdes, em Carrasquilla, Panamá. Eu a entreguei o pacote com os livros e nós nos sentamos em um banco para conversar durante alguns minutos. A verdade é que eu estava intrigado. Estava curioso. O que motivava uma pessoa a ter um gesto de tamanha nobreza?

Ela me contou que era enfermeira e que amava muito o Nosso Senhor e que, para ela, visitá-lo todos os dias no sacrário era um alimento espiritual que lhe fortalecia em meio a tantas adversidades. Falou também que Jesus a consolava e lhe dava graças especiais.

Por gratidão, tornou-se catequista e ajudava os jovens a orientar suas vidas. Outras coisas que ela me disse eu guardo para mim.

Essa história me comoveu muito. E eu não sabia o motivo – nem o soube naquele momento. Mas coloquei a mão no bolso de minha calça e tirei meu terço. É algo muito íntimo, pessoal, mas o coloquei em suas mãos, dizendo:

– Não costumo fazer isso… é meu terço pessoal. Rezo-o com fervor sempre que posso. Agora ele é seu. Reze-o, oferecendo tudo a Jesus, pedindo à Mãe Santíssima que nos proteja.

Em troca e em agradecimento, ela me presenteou o terço dela. Foi uma bela troca!

Logo e inesperadamente, veio a pandemia e todos tivemos que ficar em casa, em quarentena obrigatória. Te conto isso porque, há alguns dias, recebi uma mensagem da jovem catequista que me impactou. A mensagem veio acompanhada de uma foto e eu as compartilho com você.

A moça é enfermeira de áreas críticas de um hospital e atende pacientes com coronavírus. E olha onde o meu terço foi parar! Veja o que ela tem nas mãos: o terço com que eu a presenteei. Que maravilha!

Diz a mensagem: “Levo comigo o Rosário. Rezo por todos. Deus continue o abençoando. Tenho muita fé que sairemos dessa com a ajuda de Deus e de nossa Mãe. Nossa Mãe certamente quer pedir-lhe que continue convidando a todos a rezar mais o Rosário com o coração, em reparação. Viva Cristo!! Estou emocionada, Cláudio. Nossa Mãe está conosco e Jesus também.”

E se essa noite rezássemos o santo Terço em intenção a todos os enfermeiros, médicos, auxiliares e tantos outros profissionais que estão nos hospitais combatendo essa epidemia? Eles merecem, né?

Tags:
CoronavírushospitalTerço
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
BABY GIRL
Mathilde de Robien
12 nomes de meninas cujo significado é ligado a Deus
2
Lucía Chamat
A curiosa foto de “Jesus” que está comovendo a Colômb...
3
Reportagem local
Poderoso filme de 1 minuto sobre casamento rende prêmio a cineast...
4
POPE FRANCIS - PENTECOST MASS - SUNDAY
Comunidade Shalom
Depois da Comunhão, o que (e por quem) é mais aconselhável rezar?
5
Reportagem local
A oração que o Papa Francisco pediu para rezarmos “continua...
6
Timor-Leste
Ray Cavanaugh
A dolorosa trajetória recente do país mais católico do mundo depo...
7
Reportagem local
A oração que o Papa Francisco reza todas as noites
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia