Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Receba diretamente no seu email os artigos da Aleteia.
Cadastrar-se

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Covid-19: fraternidade franciscana comemora a cura de 16 religiosos

coronavirus.j
Compartilhar

Sinais de esperança: outros 35 pacientes que estavam sob os cuidados da equipe médica da fraternidade também testaram negativo para o coronavírus

O dia 13 de maio de 2020 foi ainda mais especial para a Associação Lar São Francisco de Assis na Providência de Deus, de Jaci, São Paulo. Além de comemorar o dia de Nossa Senhora de Fátima, a fraternidade agradeceu a Deus pela cura de 16 religiosos da comunidade, que estavam em tratamento contra a Covid-19.

Outros 35 pacientes infectados e que se encontravam sob cuidados médicos da equipe do Lar São Francisco também testaram negativo para o coronavírus. 

O Frei Eliseu da Silva está entre os curados. “Nós, que estávamos na linha de frente, nós, que estávamos cuidando de outros, nos curamos para voltar a cuidar daqueles que mais necessitarem de nós, dos nossos braços e das nossas vidas”, disse o religioso. 

O Frei Francisco Belotti, presidente da Associação, comemorou o marco e explicou o que ele chama de “35 sinais de esperança”: “Há 35 anos nascia o Lar São Francisco. 35 anos depois, estamos devolvendo à sociedade 35 pessoas negativadas [para o coronavírus]”. 

No perfil da Associação no Instagram, dois vídeos destacaram as boas notícias. Assista: 

Frei Bruno, de 36 anos, morreu de Covid 19

A mesma associação, que agora tem motivos para comemorar, há pouco mais de uma semana comunicava a morte de um de seus religiosos. Frei Bruno, de 36 anos, que também atuava na linha de frente contra o coronavírus, foi contaminado e ficou quinze dias na UTI, mas não resistiu às complicações da doença. 

Boletim
Receba Aleteia todo dia