Aleteia
Sábado 24 Outubro |
São Maglório
Estilo de vida

Por que você deveria passar mais tempo em um jardim

Children Relaxing

Shutterstock

Michael Rennier - publicado em 01/06/20

Faz muito sentido que o primeiro lar da humanidade tenha sido o Éden

Nós nos mudamos para uma nova casa há cerca de um ano – uma residência espaçosa de tijolos vermelhos em um dos bairros mais antigos da cidade.

No interior da casa, há muitas peças e detalhes feitos de madeira. E lá fora é o Éden.

Um dos principais fatores que nos levaram a comprar esta casa foi a beleza do jardim.

Na área verde da frente fica uma imponente magnólia. A cada primavera, o espetáculo é adornado com milhares de flores rosas.

Sob a magnólia, há um tumulto de folhagens manchadas e listradas com mais tons de verde do que parece possível.

Elevando-se acima, como anjinhos, estão as pequenas flores brancas de lírio do vale.

Aninhados no portão da frente, há arbustos lilás, e qualquer visitante de nossa casa caminha entre eles, recebido por uma pitada de perfume floral. É divertido ver seus rostos se iluminarem de alegria.

O jardim que ganha vida a cada primavera traz uma sensação de esperança. Cada novo ramo que brota e cada flor que se abre para o sol é um ícone do renascimento.

Quaisquer que sejam os cuidados ou preocupações que assolam uma pessoa, em um jardim, eles desaparecem suavemente.

Fiz experimentos e concluí que me sinto mais tranquilo lendo um livro à sombra da nossa árvore florida do que sentado lá dentro lendo o mesmo livro.

Estudos mais rigorosos do que o meu parecem demonstrar o mesmo: as pessoas são mais felizes num jardim.

O sol em nossa pele, o ar puro, os pássaros cantando nos arbustos, tudo isso propicia uma maior saúde e bem-estar.

Os benefícios de um jardim vão além de um livro relaxante e do café com leite, e incluem sujar as mãos nele.

Trabalhar no jardim alivia o estresse, ajuda a função imunológica, aumenta os níveis de vitamina D, combate a depressão e mantém nosso cérebro mais jovem à medida que envelhecemos fisicamente.

A jardinagem é uma tarefa que poucas pessoas temem. Claro, talvez nos queixemos no começo. Mas quando chegamos lá com a sujeira entre os dedos, o cheiro da terra e das plantas como um incenso na pele, tudo muda. O dia se ilumina.

Há uma joaninha naquela folha, uma flor de peônia oscilando ao vento, uma sensação de calor irradiando no ar banhado pelo sol. Só observamos esses detalhes, e apenas algumas vezes, quando estamos no jardim. É ali que estamos mais em contato conosco.

Enquanto escrevo isso, a Solenidade da Ascensão que celebramos na semana passada ainda está em minha mente.

Como acontece entre as flores de maio, esta é uma celebração que naturalmente tem uma conexão com os jardins.

A Ascensão é um levantamento, uma entronização da beleza física e tátil deste mundo. Existe uma beleza inscrita neste mundo que é de valor infinito, tanto que Deus a leva ao Céu com Ele.

Suponho que seja por isso que a beleza natural tenha uma qualidade celestial e por isso que faz sentido que Adão e Eva tenham recebido um jardim para morar.

Eu penso melhor quando cercado pela natureza. Sua beleza evoca a melhor parte da minha alma. Conecta-me com a parte mais nobre de mim mesmo.

É um sentimento interessante, calmo, mas também energizante, relaxado, mas também criativo, atento a todos os detalhes, mas sem se sentir oprimido.

É o oposto de como me sinto quando cercado por concreto urbano e automóveis. Na cidade, sinto ambição. Sinto a energia do lugar, mas pode se tornar demais. É perturbador e, eventualmente, toda a energia é queimada e a exaustão a substitui.

Suspeito que a maioria das pessoas também sofra esse esgotamento, e é por isso que quando saímos de férias ou procuramos um refresco nos retiramos para a natureza para passear em um jardim, escalar uma montanha ou sentar à beira-mar.

A beleza de um jardim nos alimenta. Ela nos alimenta com seus frutos e suas flores. Ela oferece sua melhor decoração para nos encantar.

Um jardim também nutre a alma. Ele é como uma mãe, muito gentil e muito paciente. Ele coloca o dedo nos lábios e pede um silêncio pacífico e dourado. Nesse silêncio, estamos acolhidos. A beleza que encontramos aqui é uma beleza que nos fala de um grande e misterioso amor.

Se você precisar de mim, eu estarei no meu jardim.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
CasaEstresseFamíliaMeio ambiente
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
SAINT MICHAEL
Philip Kosloski
Oração a São Miguel por proteção contra inimi...
Rosário
Philip Kosloski
Benefícios do Rosário: 3 virtudes que aprende...
Papa Pedro João Paulo II Bento XVI Francisco
Reportagem local
Pedro, João Paulo, Bento e Francisco: 4 Papas...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia