Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sexta-feira 23 Fevereiro |
Aleteia logo
Estilo de vida
separateurCreated with Sketch.

O matrimônio é uma vocação e não uma fuga das frustrações da vida

WEDDING, CHURCH, CRUCIFIX

Cindy Hughes | Shutterstock

Pe. José Eduardo - publicado em 12/06/20

"Por isso, não precipite as coisas", aconselha o pe. José Eduardo Oliveira: "Seja sábio e paciente, pois as obras de Deus acontecem de modo simples e espontâneo"

Em seu Facebook, o pe. José Eduardo Oliveira escreveu neste dia dos namorados um lembrete importante sobre a natureza do matrimônio:

O matrimônio é uma vocação e não uma fuga das frustrações da vida. Por isso, não precipite as coisas. Seja sábio e paciente, pois as obras de Deus acontecem de modo simples e espontâneo. Esta vontade ansiosa de ter alguém apenas para tirar uma foto é uma ilusão tola, pois atrás de cada imagem sorridente está uma história de renúncias e sofrimentos. A responsabilidade por ser feliz não pode ser transferida para ninguém. Quem não está bem consigo, será sempre uma má companhia, triste, pesada, sufocante. Pense bem! Um relacionamento não é uma diversão, é uma responsabilidade. Será que você está realmente maduro para dividir a vida com alguém? Aproveite bem esta fase da vida sozinho, pois, na hora certa, você estará acompanhado e algumas vezes você terá saudades destes dias.



Leia também:
O segredo da cidade bósnia onde jamais houve um divórcio

Tags:
CasamentoVocação
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia