Aleteia

O que os cachorros me ensinaram sobre Deus

Compartilhar

Se eu pudesse seguir os mandamentos tão bem e tão facilmente quanto meu cachorro…

Eu sempre tive cães na minha vida. De fato, não me lembro de quando não havia em nossa casa uma criatura que precisava de uma caminhada, comida, limpeza e brincadeira de cabo de guerra.

Mas houve um cachorro em particular que teve um impacto profundo na minha vida. O nome dela era Beatrice. Ela entrou em nossas vidas quando eu tinha cerca de oito anos de idade.

Era um belo pastor alemão que sofria de mielopatia degenerativa que progredia rapidamente. Essa condição devora lentamente a medula espinhal e causa perda da função das pernas e, depois, da capacidade de respirar.

Durante os dois anos em que ela sobreviveu à sua condição e morou conosco, aprendi tudo sobre cães, amor, vida, e sobre Deus:

The Dog Photographer

O simples conceito de alegria que os cães têm para mim é um mistério. A felicidade deles parece estar ligada a quão grande é sua esperança e a quão vulneráveis eles estão dispostos a ser. E também com a satisfação que eles encontram em pequenas coisas.

Ocorre-me que, se quiséssemos conhecer uma felicidade semelhante, teríamos que nos abrir ao Espírito Santo, ter a firmeza de manter a esperança e ver o valor dos pequenos dons que Deus nos concede diariamente.

Vitaly Titov/Shutterstock

Ninguém descansa com mais sinceridade que um cachorro! É verdade que Deus nos diz que precisamos descansar uma vez por semana no dia do Senhor, mas também o exemplo dos cães pode nos ajudar a viver mais plenamente se investirmos em nosso tempo de lazer, para que não seja apenas mais uma tarefa a cumprir quando não há trabalho, mas um momento de relaxamento sincero.

Javier Brosch/Shutterstock

Ao longo dos anos, minha esposa e eu criamos dois filhos maravilhosos e cuidamos de alguns dos membros mais antigos de nossa família.

No entanto, foi Beatrice, que precisou que trocássemos suas fraldas e a levássemos de um cômodo para outro, depois que ela perdeu o uso das patas, que nos ensinou a aceitar nossa responsabilidade como cuidadores, com humildade e bondade.

A lição? Que não há vergonha quando você precisa da ajuda das pessoas que nos amam. Isso lhes dá a oportunidade de expressar esse amor de uma maneira diferente que é, de fato, mais honesta e mais generosa. A longo prazo, a humildade de aceitar a ajuda de outros também pode ajudar em sua própria salvação.

Lena Ivanova/Shutterstock

Mesmo quando você está envolvido no emaranhado de problemas da vida, um cão está completamente atento e vigilante: você é o mundo deles. Aqui está uma boa lição, a de prestar atenção aos membros da nossa família. Mas há outra lição ainda maior: quando nos voltamos para Deus, Ele também não se distrai com os problemas do mundo; nós somos o mundo para Ele.

Cpl Si Longworth RLC

Nada é mais leal que um cachorro. Exceto Deus. Quem fez os cães nos ensinarem isso?

Cheryl Casey/Shutterstock

Sentir um cachorro deitado em você é uma coisa fantástica, afasta a solidão. Muitas vezes, ficamos obcecados com os nossos males pessoais, sentimo-nos isolados e, de repente, lá está o nosso cachorro. Você não está sozinho. E Deus também está com você, sempre! Podemos desfrutar da companhia de um cachorro por alguns anos, mas a companhia de Deus é eterna.

Vasyl Syniuk/Shutterstock

Toda vez que me sentia deprimido, Beatrice tentava se aproximar de mim. Ela esbarrava o focinho em mim, mesmo quando ela mal podia se mover. Deus também esbarra em nós, tentando se aproximar, mas às vezes Ele nos abraça totalmente com o calor do Seu amor e a preocupação pelo nosso bem-estar.

Anna Hoychuk/Shutterstock

Um cão esperará até que você termine o que estiver fazendo. Eles esperam para ser alimentados, para passear, entrar ou sair de casa. De fato, quando eles não estão dormindo ou brincando, acho que provavelmente estão esperando. Eles nos esperam. Eles esperam que a gente diga para eles se aproximarem. Acho que isso é tão claro que não preciso nem comentar…

Olesya Kuznetsova/Shutterstock

Você já deu um osso a um cachorro e ele lhe deu uma demonstração de gratidão imensa? Não seria ótimo se pudéssemos sentir esse nível de gratidão por todos os dons que Deus nos deu, mesmo quando possa parecer pouco mais que um osso jogado em nosso caminho?

Dreams Come True/Shutterstock

Amor incondicional. Existe alguma outra criatura no mundo que personifique isso tão perfeitamente? Se o amor perfeito é amar “os outros como eu vos amei”, então talvez amar “os outros como o seu cachorro te ama” deve ser nível imediatamente abaixo disso.

“O amor é paciente, o amor é bondoso. Não tem inveja. O amor não é orgulhoso. Não é arrogante. Nem escandaloso. Não busca os seus próprios interesses, não se irrita, não guarda rancor. Não se alegra com a injustiça, mas se rejubila com a verdade. Tudo desculpa, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.”

Meu amor é imperfeito e falha todos os dias em algum desses aspectos. Por outro lado, meu cachorro é o exemplo absoluto de todos. Somente Deus poderia fazer melhor.

Michael Bruno

Em memória amada e profundo agradecimento, Beatrice

Boletim
Receba Aleteia todo dia