Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Domingo 24 Outubro |
São José Lê Dang Thi
Aleteia logo
home iconReligião
line break icon

Papa Francisco batiza gêmeas siamesas após sua separação

@Hospital Niño Jesús

Ervina y Prefina, gemelas siamesas, abrazadas por su madre, Ermine

Jesús Colina - publicado em 10/08/20

A intervenção cirúrgica pioneira ocorreu no Hospital Bambino Gesú, do Vaticano

O Papa Francisco batizou duas gêmeas siamesas centro-africanas, após as meninas terem sido separadas com sucesso, graças a uma operação cirúrgica complexa, realizada pelo hospital pediátrico do Vaticano. As gêmeas haviam nascido unidas pela cabeça.

O Papa quis assim apoiar os grandes sacrifícios da mãe, Ermine, que deixou o seu país natal, a República Centro-Africana, para dar esperança médica às suas filhas em Roma. Francisco quis também expressar seu reconhecimento à equipa médica do Hospital Bambino Gesú, que realizou uma operação aplaudida pela comunidade científica mundial.

A notícia do batizado foi confirmada no Twitter por Antoinette Montaigne, política centro-africana, ex-ministra da Comunicação do seu país, que hoje se dedica à Academia para a Paz. Ela publicou uma foto do batizado, na capela da Casa Santa Marta. Na imagem, o Papa Francisco aparece com vestes litúrgicas.

Foto tras el bautismo Twitter - Antoinette Montaigne.
Foto tras el bautismo de las gemelas siamesas publicada en Twitter por Antoinette Montaigne.

Na foto, podemos ver, entre outros, a mãe das meninas, Ermine, o Dr. Carlo Marras, chefe de Neurocirurgia do Hospital Bambino Gesú, e a assistente da equipe médica encarregada da operação das pequenas gêmeas Ervina e Prefina.

Mariella Enoc, diretora do Hospital Bambino Gesú, conheceu as meninas em julho de 2018, recém-nascidas, durante uma missão que realizou em Bangui, capital da República Centro-Africana, para acompanhar as obras de ampliação de um centro pediátrico criada a pedido do Papa Francisco.

@Hospital Niño Jesús
Presentación de la operación quirúrgica de separación de las dos niñas gemelas siamesas.

A Dra. Enoc não poderia abandonar as gêmeas à própria sorte, porque, sem a cirurgia de separação, elas teriam morrido antes dos dez anos de idade.

“Quando encontramos vidas que podem ser salvas, devemos salvá-las. Não podemos ignorar”, declarou Mariella Enoc na coletiva de imprensa que anunciou o sucesso da operação de separação, a 7 de julho.

@Hospital Niño Jesús
Madre y gemelas siamesas tras su operación de separación en el Hospital Niño Jesús

A mãe das gêmeas, na mesma conferência de imprensa, declarou: “Ervina e Prefina nasceram duas vezes. Se elas tivessem ficado na África, não sei qual teria sido o destino delas. Agora que estão separadas, gostaria de todo o coração que o Papa Francisco, que sempre cuidou dos filhos de Bangui, as batizasse”.

A complexidade da cirurgia de separação das pequenas gêmeas exigiu um ano de preparação, utilizando as mais avançadas tecnologias de simulação cirúrgica. Três operações extremamente delicadas foram necessárias. A última, a separação definitiva, ocorreu no dia 5 de junho. Essa operação durou 18 horas e contou com a participação de 30 pessoas, entre médicos e enfermeiras.

@Hospital Niño Jesús
Operación qurúrgica en el Hospital Niño Jesus de la Santa Sede

Após a operação, as meninas continuaram sendo atendidas no setor de Neurocirurgia do Hospital Bambino Gesú, onde elas permaneceram em um quarto com dois leitos, acompanhadas pela mãe.

Ao anunciar o sucesso da operação, o Dr. Carlo Marras reconheceu: “Era uma meta ambiciosa e fizemos todo o possível para alcançá-la, com amor, otimismo e alegria. Compartilhando cada passo, estudando cada pequeno detalhe”.


BABY

Leia também:
Bebê-milagre do Vulcão de Fogo comove a América Central


FULTON SHEEN, NEWBORN, COLLAGE

Leia também:
Bebê “nascido morto” volta à vida e Vaticano aprova milagre atribuído a arcebispo




Leia também:
Zeine, o bebê milagre que sobreviveu à guerra

Tags:
BatismoPapaPapa FranciscoSaúde
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Casal brasileiro com 8 filhos espera gêmeos
Francisco Vêneto
Jovem casal brasileiro com 8 filhos espera gêmeos: “cada um vale ...
2
Reportagem local
A bela lição que este menino deu a todos ao se aproximar do Papa
3
Papa Emérito Bento XVI
Francisco Vêneto
Bento XVI: “Espero me unir logo” aos amigos que já estão na etern...
4
VENEZUELA
Ramón Antonio Pérez
Quando a vida surge do abuso atroz a uma jovem deficiente
5
Carlo Acutis
Gelsomino Del Guercio
“Ele fechou os olhos sorrindo”: foi assim que Carlo Acutis morreu
6
São José
Francisco Vêneto
Padre irmão de piloto de avião partido em dois: “São José tem mui...
7
Papa Francisco São José Menino Jesus
Ricardo Sanches
A oração a São José que o Papa Francisco reza todos os dias há 40...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia