Aleteia
Quarta-feira 28 Outubro |
São Sálvio
Histórias Inspiradoras

Menino que dançava debaixo de chuva ganha bolsa para estudar balé em NY

DANCER

Twitter | @violadavis

Dolors Massot - publicado em 17/08/20

O garoto pobre ficou conhecido depois que um vídeo em que ele aparece dançando no quintal de casa viralizou nas redes sociais

“Quando o vejo dançando, eu me sinto feliz”, diz a mãe de Anthony Mmmesoma Madu, um garoto de 11 anos que surpreendeu as redes sociais com um vídeo que mostra seu dom para o balé.

Ele publicou um vídeo em que era possível vê-lo executando alguns passos de balé debaixo de chuva. No cenário, poças de água sobre o cimento irregular, caixas empilhadas e muros sem pintar. Mesmo assim, o garoto elevava seus braços e rodopiava com elegância.

O vídeo correu rapidamente pelas redes sociais e foi visto pela atriz Viola Davis, que ganhou o Óscar em 2016 pelo filme “Um limite entre nós”. Em uma rede social, ela postou o vídeo e legendou: “Me lembro da beleza de minha gente. Criamos, remontamos, podemos imaginar, temos uma paixão desatada e amamos… apesar dos brutais obstáculos que se colocam à nossa frente! Nossa gente pode voar!”

Em meio ao grande sucesso que o vídeo fez mundo afora, Anthony recebeu uma grande notícia: o American Ballet Theater vai pagar sua viagem a Nova York para que ele possa estudar dança de graça.

Garotos e garotas no balé

Anthony frequenta a escola de balé Leap Dance, de Lagos, na Nigéria, que está comprometida a dar oportunidade aos garotos, a fim de que eles também possam praticar a dança. “É para meninos e meninas”, diz Anthony. Uma publicação do perfil da escola no Instagramainda lembra que quando o balé nasceu, há 400 anos, foi criado para os homens.

A escola também fala sobre a importância dos pais incentivarem que seus filhos homem aprendam a dançar. “Falamos da perspectiva da Nigéria, onde a maioria dos meninos são matriculados na escola para conseguir um trabalho de ‘colarinho de camisa’, e nunca para se transformarem em bailarinos. Esperamos que as mães inspiradoras e que dão apoio a essa ideia, como a mãe de Anthony, permitam a descoberta de talentos nos garotos em tenra idade”.

View this post on Instagram

As a dance school in Africa, and Nigeria to be precise our academy stands to educate our audience that ballet is here to stay; "It's for both boys and girls'' said Anthony Mmmesoma Madu. (When ballet was created 400 years ago, it was created for men. Men were the first dancers. a @collagedance ) Special shoutout to all parents who have have allowed their boys to dance. Speaking from the Nigerian perspective most children are enrolled in school to have a white collar job but never to become a dancer. We hope supportive and inspirational mom like Anthony's mom has given us a reason for early child talent discovery. We are the Nigerian ballet school. A heartfelt thank you to our partners @blacksinballet @ingridsilva @jmentzos @fabiocmariano @m.s.t_dance_center @ruangaldino @travelingtutusinc @fernandomontan0 @thalemawilliamsstudiosusvi @grishkoworld @nikolayworld @bbcnews @graceekpu @balletnoire @abtschool @hurkmanslinda @katwildish #boys #blackboydancetoo #boyswillbeboys ##boyscan #blackboysrock #blackdancers #goboy #dancer #blacklivesmatter #qualityaboveall #nigerianballetschool #nigeria #leapofdanceacademy #vocationaltraining #boys #dancingintherain #viralvideo #vocationalballetschool #goon #bbc #bbcafrica #bbcnews #2020

A post shared by Leap of Dance Academy (@leapofdanceacademy) on

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
EducaçãoFilhosMaternidade
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Pe. Zezinho
Francisco Vêneto
Duas emissoras brasileiras deturpam fatos em ...
Reportagem local
Corpo incorrupto de Santa Bernadette: o que o...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia