Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quarta-feira 28 Outubro |
São Sálvio
home iconReligião
line break icon

Como foi a primeira aparição mariana da história

VIRGEN DEL PILAR

-archizaragoza

Larry Peterson - publicado em 13/10/20

A primeira aparição de Maria foi, na verdade, um ato de bilocação que aconteceu antes de sua assunção ao céu

A primeira aparição mariana de que se tem notícia aconteceu no ano 40. A Santíssima Virgem apareceu a um dos apóstolos, São Tiago Maior, na Espanha. Tiago era irmão de São João. A devoção ficou conhecida como Nossa Senhora do Pilar.

O início dessa história, portanto é a seguinte: durante os primeiros dias do cristianismo, Tiago viajou para as terras pagãs da província romana da Hispânia, hoje conhecida como Espanha. Seus esforços de evangelização, entretanto, encontraram grandes dificuldades. Dizem, por exemplo, que o apóstolo caiu no desânimo.

Uma noite, no entanto, Tiago estava orando às margens do rio Ebro, perto da cidade que hoje é conhecida como Saragoça. De repente, uma grande luz o envolveu. Ele se ajoelhou, olhou para a luz, e o que viu estava além de qualquer descrição. Na luz estava a Virgem Maria rodeada por milhares de anjos.

Maria, então, disse a Tiago que ele deveria perseverar. Maria garantiu que seu trabalho para Jesus teria grandes resultados e muitos se voltariam para a fé. Depois, ela pediu também que uma igreja fosse construída no local onde ela apareceu. Para marcar o local, deixou uma coluna de jaspe. A Virgem Maria também deixou uma pequena estátua de si mesma segurando o menino Jesus em seus braços. A estátua ficou sobre o pilar.

Bilocação

Como a Virgem Maria ainda estava viva e morando em Jerusalém – isso foi antes de sua assunção ao céu – essa aparição mariana é considerada, portanto, um ato de bilocação.

Depois da aparição, Tiago reuniu, então, alguns de seus novos seguidores e começou a trabalhar em uma capela no local designado. A capela é a primeira igreja dedicada a Maria. De fato, hoje, depois de muitas reformas, é conhecida como Basílica de Nossa Senhora do Pilar. Está localizada no local exato onde Nossa Senhora apareceu há cerca de 2.000 anos.

Tiago participou da dedicação da pequena igreja e voltou para Jerusalém.

Ironicamente, ele foi o primeiro apóstolo a morrer pela fé. No ano 44, Herodes Agripa mandou decapitar Tiago. Os discípulos dele, entretanto, levaram seu corpo de volta à Espanha. A estátua e a coluna deixadas por Nossa Senhora ficaram sob a proteção do povo de Saragoça.

Milagres e a autenticidade dessa aparição mariana

Os muitos milagres que cercam a relíquia podem atestar sua origem celestial. Em 1936, durante a Guerra Civil Espanhola, por exemplo, os republicanos de esquerda bombardearam o santuário. Porém, as bombas que atingiram a igreja nunca explodiram. Ninguém pode tocar na estátua, exceto os quatro sacerdotes designados para cuidar dela e os bebês recém-nascidos.

Os papas desde os primeiros tempos atestaram a autenticidade dessa aparição mariana. Na verdade, o Papa Calisto III, já em 1456, encorajava as pessoas a fazerem peregrinações a Nossa Senhora do Pilar.

O milagre mais proeminente, no entanto, só ocorreu no século 17. Um mendigo chamado Miguel Pellicer não conseguia trabalhar porque amputou uma perna. Ele estava constantemente rezando no santuário pela ajuda da Virgem Maria. Conclusão: sua perna foi restaurada.

Porém, ao longo dos séculos, muitas histórias controversas surgiram sobre a autenticidade deste santuário. O papa Inocêncio III, respondendo a um apelo da Espanha, fez com que 12 cardeais investigassem todos os dados disponíveis. Em 7 de agosto de 1723, a Sagrada Congregação de Ritos afirma a originalidade. Depois, em 1730, o Papa Clemente XII permitiu que a festa de Nossa Senhora do Pilar acontecesse em todo o império espanhol. Declarou-se, portanto, Nossa Senhora do Pilar como padroeira do mundo hispânico. Sua festa litúrgica acontece no dia  12 de outubro.

Nossa Senhora do Pilar, rogai por nós!


MAP APPARITIONS

Leia também:
Mapa ilustra os 500 anos das aparições marianas pelo mundo




Leia também:
De mais de 2 mil aparições marianas registradas, só 16 foram reconhecidas pelo Vaticano

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
MariaNossa Senhora
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Pe. Zezinho
Francisco Vêneto
Duas emissoras brasileiras deturpam fatos em ...
Reportagem local
Corpo incorrupto de Santa Bernadette: o que o...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia