Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quarta-feira 28 Outubro |
São Sálvio
home iconHistórias Inspiradoras
line break icon

Surto de covid em convento da Espanha: irmãs doentes saltam de 40 para 76

Freiras da Espanha, as Irmãs Da Cruz sofrem surto de covid

Antoine Mekary | ALETEIA

Irmãs Da Cruz reunidas no Vaticano

Francisco Vêneto - publicado em 13/10/20

Freiras com covid se tornaram um dos assuntos mais comentados nas redes sociais do país, pois elas mesmas se dedicavam a doentes e famintos

Freiras com covid no sul da Espanha estão entre os assuntos mais comentados nas redes sociais do país. De fato, a comunidade do convento de Santa Ângela da Cruz, em Sevilha, passou em poucos dias de 40 religiosas doentes para 76.

O surto gerou comoção e solidariedade entre os sevilhanos. Internautas locais estão impulsionando nas redes uma onda de mensagens carinhosas para encorajar as irmãs.

E não é um carinho súbito, porque as Irmãs da Cruz já eram amplamente reconhecidas e admiradas na região. Seu trabalho de caridade cristã, aliás, prioriza justamente cuidar dos doentes e atendê-los em suas casas. E foi provavelmente no desempenho dessa missão, de fato, que surgiu o primeiro contágio entre elas.

Freiras com covid

Autoridades de saúde de Sevilha isolaram o convento na semana passada. O número de casos ainda estava em 40, mas, quatro dias depois, saltou para 76. É quase o dobro.

Agora, os grupos de pessoas necessitadas que se juntavam à porta do convento para receber comida e cuidados encontra um aviso que ninguém esperava. Além de informar sobre o isolamento provisório da comunidade, o cartaz ainda pede “perdão pelos incômodos”.

O convento, além disso, é local de peregrinação para numerosos devotos. Todos os dias, muitos fiéis iam venerar o corpo incorrupto de Santa Ângela da Cruz, a fundadora da comunidade. E a congregação tem outra religiosa recentemente canonizada: Santa Maria da Puríssima. O confinamento, porém, obrigou as irmãs a fecharem a igreja do convento ao público externo.

A importância das Irmãs da Cruz para Sevilha é tamanha que a prefeitura já lhes concedeu a Medalha da Cidade. No entanto, elas optaram por agradecer e recusar humildemente a homenagem.

Sobre a atual provação da comunidade, o jornal ABC reproduziu a seguinte declaração das irmãs:

“Esta doença é a cruz do mundo e nós somos as Irmãs da Cruz”.

Outros conventos estão isolados na Espanha

O convento da Mãe de Deus, também em Sevilha, foi outro que sofreu interdição por causa da pandemia. Todas as suas religiosas, de fato, foram infectadas. No entanto, a situação se normalizou no último dia 2 de outubro, quando a última das irmãs enfermas recebeu alta.

Situação semelhante atingiu o convento de Santa Paula. Nele, 19 religiosas ficaram doentes – e todas, felizmente, já se recuperaram. Na quarentena, porém, elas não puderam trabalhar na produção de seus doces e compotas. Por isso, o convento agora enfrenta o desafio de equilibrar as contas, pois o sustento econômico da comunidade depende da venda desse produtos. A irmã Tiyama Irimpan, que é a superiora do convento, pediu as orações dos católicos e manifestou a esperança de que, aos poucos, a situação se normalize. Além disso, ela convidou os moradores dos arredores a visitarem o convento e o seu museu, respeitando as precauções em relação à pandemia.


SEVILLA

Leia também:
Desenhos e mensagens de encorajamento às 42 freiras com Covid

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
Coronavíruscovid-19freirassolidariedade
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Pe. Zezinho
Francisco Vêneto
Duas emissoras brasileiras deturpam fatos em ...
Reportagem local
Corpo incorrupto de Santa Bernadette: o que o...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia