Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Terça-feira 21 Setembro |
home iconAtualidade
line break icon

O casamento dos padres pode ser uma solução para a pedofilia e homossexualismo?

Andrea Nissolino / Flickr / CC

Padre Angelo Bellon, o.p. - publicado em 28/10/20

5. Nota-se ainda que os fenômenos da pedofilia se registram em sua maioria ao interno do ambiente familiar e parental. Não tem a ver com a solidão de uma pessoa. Também a sexualidade não tem a ver com a pedofilia. O homossexual busca uma integração física, psicológica e afetiva com pessoas do mesmo sexo e a busca com pessoas com as quais pode instaurar um tipo de relacionamento. Em geral da sua mesma idade. O pedófilo não busca integração física, psicológica e afetiva com as crianças. A sua é pura perversão.

6. Que alguns homossexuais são ao mesmo tempo pedófilos é fato, como é fato que existem pessoas casadas e heterossexuais que são pedófilas. Mas como não se pode dizer que as pessoas casadas e heterossexuais são pedófilas, assim não se pode dizer nem mesmo dos homossexuais.

7. Enfim, o fato de alguns padres serem homossexuais não depende do fato que são celibatários, mas de problemas pessoais e antecedentes ao sacerdócio. Seriam homossexuais também se não fossem padres.

8. Fico feliz se você lesse a Encíclica “sacerdotalis coelibatus”, de Paulo VI, onde estão apresentadas de maneira muito persuasiva as motivações cristológicas, eclesiológicas e escatológicas do celibato sacerdotal. Razões que são, provavelmente, totalmente alheias a sua professora. Limito-me a apresentar-lhe o testemunho de um não cristão sobre o valor do celibato, Mahatma Gandhi. Ele escreveu: “Não se pense que a castidade é impossível porque é difícil. A castidade é o mais alto ideal, não deve fazer maravilhar que peça o mais alto esforço para alcançá-la. Uma vida sem castidade me pareceria insípida e animalesca: a fera, por sua natureza, não tem autocontrole, o homem é homem porque é capaz de tê-lo” (Gandhi, A minha vida pela liberdade, p. 193-194). E continua: “Por volta dos 30 anos, junto à mulher, Gandhi fez voto solene e perpétuo de castidade: ‘Quando eu olho para trás me sinto cheio de alegria e de maravilha. A liberdade e a alegria que me preenchem após ter feito o voto de castidade, nunca havia experimentado antes de 1906 (data do seu voto solene). Antes de fazer o voto eu estava à mercê de cada tentação impura a cada momento. Agora o voto tornou para mim um escudo seguro contra a tentação. O grande poder da castidade em mim, tornou-se cada vez mais evidente. Cada dia que passa me faz sempre compreender mais que a castidade é uma proteção do corpo, da mente e da alma. O praticar a castidade não se tornou praticar uma árdua penitência, foi uma consolação e uma alegria. Cada dia me revelava uma nova beleza: foi para mim uma alegria sempre crescente”.

9. Eis como nasceu na alma de Gandhi a decisão pela castidade: “Eu vi com clareza que um que aspira servir aos outros de modo total não pode não fazer menos que o voto de castidade. O voto de castidade me deu a alegria: tornar-se livre e disponível a cada serviço ao próximo”.

10. Como pode ver, a sua professora foi muito descuidada e bastante ignorante. Seria mais correto se tivesse falado aos alunos daquilo que a ela competia e tinha sido confiado como tarefa para ensinar.

Estou feliz pela sua indignada reação, que lhe torna agradável a Deus, da mesma maneira que é agradável o celibato dos sacerdotes. Obrigado pela oração a feita por mim e pelos sacerdotes, todos precisamos. 

Lhe asseguro a minha benção
Padre Angelo

  • 1
  • 2
Tags:
CastidadeCelibatohomossexuaispedofiliasacerdociosacerdoteSexualidade
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Top 10
1
BEATRIZ
Reportagem local
Mistério do sumiço de uma mulher em Aparecida já dura 9 anos
2
Exorcista padre Gabriele Amorth
Gelsomino Del Guercio
Os assombrosos diálogos entre o diabo e um exorcista do Vaticano
3
Berthe and Marcel
Lauriane Vofo Kana
O segredo do casal que tem a união mais longa da França
4
Aleteia Brasil
O dia em que os cães farejadores detectaram Alguém vivo no Sacrár...
5
Papa Francisco
Francisco Vêneto
Papa reafirma: casamento sacramental é só entre homem e mulher
6
HOLY COMMUNION
Reportagem local
A Santa Missa não pode ser trocada por orações pessoais: sem ela,...
7
Pe. Zezinho
Reportagem local
Pe. Zezinho faz alerta sobre orações de cura e libertação
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia