Aleteia logoAleteia logoAleteia
Segunda-feira 04 Julho |
São Cesídio Giacomantonio
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Por que o Vaticano ostenta tanta riqueza?

Vaticano

Alexey Broslavets | Shutterstock

Javier Ordovás - publicado em 15/11/20

Será que a Igreja deve vender a Basílica de São Pedro, a Capela Sistina, os museus, a biblioteca e as obras de arte para acabar com a fome do mundo?

Há pessoas que consideram ostentosa a riqueza artística do Vaticano. Em geral, são pessoas com pouca formação cultural.

No século IV, depois que o imperador Constantino concedeu liberdade aos cristãos, começou a ser construída, aos pés da Colina Vaticana, o que depois seria a Basílica de São Pedro, pois lá repousam os restos do Apóstolo.

Ao longo dos séculos, especialmente durante o Renascimento, o Vaticano se tornou um dos mais importantes centros culturais do mundo. Na arquitetura, destacam-se a Basílica de São Pedro, a Capela Sistina, os museus e a biblioteca.

A história do Vaticano faz parte da história do Ocidente. Atualmente, é um dos lugares mais visitados do mundo, diariamente, por peregrinos e turistas de todos os países.

Os cristãos se orgulham pelo fato de a sua sede central ser um dos lugares mais belos do mundo e porque a casa de Deus mais representativa para a humanidade é digna de admiração e respeito.

A Igreja Católica oficialmente, por meio das suas inúmeras instituições, realizou ao longo da história e continua realizando hoje, em muitos lugares, uma tarefa social e de beneficência enorme em prol dos mais necessitados.

Entre seus objetivos, encontra-se o de eliminar a desigualdade, a pobreza, a miséria, o analfabetismo, e favorecer a vida, a saúde, a educação e os direitos dos mais fracos.

É preciso ser muito inculto para afirmar que a Igreja deveria eliminar todos os museus e maravilhas do mundo para resolver estes graves problemas. Quantitativamente, com estes patrimônios universais, não se chegaria a solucionar nenhuma destas questões; qualitativamente, seria privar a humanidade de uma das suas grandes conquistas: a beleza da arquitetura, pintura, escultura, livros, música etc.

Foram necessários muitos séculos para reunir o que é legado e patrimônio histórico dos nossos predecessores para nós e para os nossos sucessores.

Todas estas belezas artísticas do Vaticano, bem como a riqueza espiritual que as sustenta, são patrimônio da humanidade: dos ricos e dos pobres.

Tags:
DinheiroIgreja CatólicaVaticano
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia