Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Domingo 19 Setembro |
Santos Mártires coreanos (AndréKim Taegon, Paulo Chong Hasang e 101 companheiros)
home iconEstilo de vida
line break icon

Os conselhos de São Francisco para vivermos a alegria

smile

mavo | Shutterstock

Michael Rennier - publicado em 14/12/20

O Advento é o tempo perfeito para refletirmos sobre o significado da verdadeira alegria

A reflexão sobre a alegria está no centro da celebração do terceiro domingo do Advento. É no “Domingo Gaudete” que acendemos a vela cor de rosa na coroa do Advento, o dia em que o órgão toca um pouco mais ruidosamente na missa, o dia em que realmente começamos a olhar para a luz do amanhecer do Natal.

Mas a alegria é um conceito estranho. Ficamos alegres quando nos sentimos felizes. Entretanto a alegria em si não é uma emoção. As emoções vêm e vão, no entanto, uma pessoa que é verdadeiramente alegre permanece assim mesmo em meio a circunstâncias difíceis. Trata-se, então da virtude mais forte do que a forma como nos sentimos em um determinado momento.

São Francisco e a alegria

Certa vez, São Francisco de Assis, em uma caminhada com outro monge chamado Irmão Leão, explica o conceito de alegria perfeita. Eles estão em um dia frio de inverno, tremendo por baixo dos trapos finos que eles consideram casacos. Francisco, então diz a Leão que mesmo se eles se tornassem os mais santos de todos os monges, isso não seria uma alegria perfeita. Eles caminham um pouco mais longe no frio, e Francisco diz que, mesmo que os monges se torassem fazedores de milagres, isso não seria uma alegria perfeita. Eles caminham em silêncio, e Francisco elabora mais, dizendo que mesmo se eles se tornassem os mais sábios de todos, isso também não seria uma alegria perfeita.

Francisco continua descrevendo visões magníficas de glória e sucesso, dizendo que nenhuma delas seria suficiente. Por fim, o irmão Leo está farto e pede a Francisco: “Ensina-me o que é a alegria perfeita”. A resposta que Francisco dá é surpreendente: “Se, quando chegarmos … todos encharcados da chuva e tremendo de frio, todos cobertos de lama e exaustos de fome … e o carregador sair com raiva para nos afastar com xingamentos e socos, como se fôssemos vil impostores … se suportamos todas essas injúrias com paciência, pensando nos sofrimentos de nosso Bem-aventurado Senhor, que compartilharíamos por amor a ele … aqui, finalmente, estaria a alegria perfeita”.

Alegria e amor

Eu acho que São Francisco está certo. Sua insistência é que o sofrimento é alegre quando é um ato de amor. De fato, sempre fiquei um pouco insatisfeito com a explicação de que ser alegre é simplesmente ter algo dentro de nós que nos ajude a ser felizes, mesmo quando a vida é pesada. Ser alegre, portanto, requer mais mais do que uma autodisciplina rígida para ignorar as circunstâncias externas. E São Francisco Francisco conhece o segredo para isso. Para ele, a alegria é especificamente causada pelo amor de Deus. Ele quer pensar em Deus, estar perto de Deus, falar sobre Deus. Se ele pode sofrer e ser mais parecido com Deus, tanto melhor.

Para nós, esse sentimento surge da mesma fonte. Somos alegres pelo nosso amor a Deus, sabendo que ele está perto em todas as circunstâncias. Falando de forma mais ampla, também ficamos alegres quando podemos estar com alguém que amamos e quando coisas boas acontecem a essa pessoa, seja um cônjuge, parentes ou amigos.

E nas dificuldades?

Pensar dessa forma também nos mostra como a alegria pode andar de mãos dadas com a experiência das dificuldades da vida. Se ela está conectada com o amor, é lógico que sofremos quando aqueles que amamos sofrem, e isso também é ser alegre, porque é um sinal de nosso amor por eles. Mesmo quando sentimos que somos os únicos para quem a vida é uma luta, ainda sabemos que Deus está conosco e Ele está sofrendo conosco porque nos ama.

O erro que cometemos tantas vezes é nos convencer de que seremos mais alegres se conseguirmos mais uma coisa – aquela promoção no trabalho, o carro novo, a casa nova, o prestígio de outro diploma acadêmico, a maneira como as pessoas nos respondem, se uma situação difícil simplesmente vai embora, por exemplo.

Enfim, São Francisco sabe que não se deve envolver nesta perseguição sem fim, porque sabe que a alegria tem tudo a ver com o amor. Tomar uma decisão simples de trabalhar para amar melhor as pessoas ao nosso redor, este é o segredo para vivermos alegres em todas as circunstâncias.


JOY HOME SAINTS

Leia também:
5 santos que vão levar alegria e bom humor para a sua casa

Tags:
AdventoVirtudes

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
BEATRIZ
Reportagem local
Mistério do sumiço de uma mulher em Aparecida já dura 9 anos
2
Pe. Zezinho
Reportagem local
Pe. Zezinho faz alerta sobre orações de cura e libertação
3
Orfa Astorga
Os erros mais comuns das sogras
4
Berthe and Marcel
Lauriane Vofo Kana
O segredo do casal que tem a união mais longa da França
5
Papa Francisco
Francisco Vêneto
Papa reafirma: casamento sacramental é só entre homem e mulher
6
Aleteia Brasil
O dia em que os cães farejadores detectaram Alguém vivo no Sacrár...
7
Papa Francisco pede homilias mais curtas
Francisco Vêneto
Papa Francisco pede aos padres: façam homilias mais curtas
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia