Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Terça-feira 28 Setembro |
Santos Alfeu, Alexandre e Zósimo
home iconHistórias Inspiradoras
line break icon

Aos 104 anos engenheiro conclui tese de doutorado durante a pandemia

ELDERLY

Photo by Sam Wheeler on Unsplash

Dolors Massot - publicado em 11/01/21

Uma lição de persistência, sabedoria e de como aproveitar bem o tempo durante um confinamento

Um engenheiro colombiano de 104 anos acaba de concluir sua tese de doutorado na Universidade de Manchester (Reino Unido). O nome dele é Lucio Chiquito.

De acordo com o que Chiquito explicou à CNN, ele aproveitou o lockdown da pandemia para encerrar uma pesquisa à qual ele se dedicou por mais de 30 anos. O objetivo era encontrar uma metodologia para calcular a vazão máxima de um rio.

Lucio Chiquito gosta de citar como lema: “Quem perde a manhã, perde o dia; e quem perde o dia, perde toda a sua vida”. Faz muito sentido, né?

O Sr. Chiquito mora em Medellín e, embora tenha ficado viúvo há cinco anos, vive rodeado do carinho de sua família. Ele é católico devoto e expressa a fé de maneira alegre e vívida.

No quintal de sua casa, onde faz caminhadas, há uma bela estátua da Virgem Maria. Às vezes, ele se senta na frente dela para descansar e rezar.

Doutorado em persistência

Trinta anos atrás, ele escreveu para a universidade e disse que tinha 73 anos e tinha feito um mestrado em ciência e tecnologia. “Eu perguntei se eu poderia me inscrever para um doutorado, e eles disseram: ‘Claro'”, lembrou o Sr. Chiquito.

Finalmente, no dia 23 de setembro, Lúcio Chiquito entregou sua tese. Ele é, de fato, um verdadeiro exemplo de diligência e resiliência em meio a uma pandemia.

Esse homem, que se formou na Escola de Engenharia de Minas em 1941, se tornará uma das pessoas mais velhas da história a concluir um doutorado.

Seus parentes, por sua vez, compartilharam nas redes sociais como estão orgulhosos de seu feito. Alguém perguntou no Twitter se a história era real. Um parente de Lucio Chiquito, então, respondeu: “É. Ele é um parente meu. Um engenheiro brilhante e uma pessoa exemplar em todos os sentidos da palavra.”

Tags:
IdososSuperação
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Claudio de Castro
O Purgatório e o misterioso alarme das 3 da manhã
2
Broken Mary
Reportagem local
Nasce (e cresce) nos EUA a inspiradora devoção a “Nossa Senhora D...
3
Maria Paola Daud
O dia em que Nossa Senhora parou a lava do vulcão Etna
4
Caio Batista, jovem ex-protestante que se tornou católico
Reportagem local
Carta de jovem ex-protestante repercute nas redes: “Sim, eu me to...
5
Vulcão Cumbre Vieja
Violeta Tejera
Vulcão Cumbre Vieja obriga pároco a evacuar capela às pressas
6
Santa Missa
Reportagem local
Quanto tempo devemos chegar antes da Missa?
7
Irmã Cecilia
Reportagem local
Quem sorri assim no momento da morte?
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia