Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quarta-feira 22 Setembro |
São Lauto ou Laudo
home iconCultura e Viagem
line break icon

Uma peregrinação seguindo os passos de São Francisco em Assis

basilica of saint francis of Assisi

Peter K Burian | CC BY-SA 4.0

Bret Thoman, OFS - publicado em 05/02/21

A primeira parte de uma série de três artigos sobre os lugares onde viveram São Francisco e Santa Clara

A cidade de Assis é praticamente sinônimo de santidade. Inúmeros peregrinos vêm ao berço da espiritualidade franciscana todos os anos para buscar inspiração nos numerosos locais dentro e ao redor de Assis associados à vida de São Francisco e Santa Clara.

No entanto, Assis não é uma exclusividade dos católicos, e pessoas de todos os credos frequentemente voltam se sentindo espiritualmente fortalecidas. Diante disso, no ano 2000, as Nações Unidas declararam os locais franciscanos de Assis um Patrimônio Mundial da UNESCO: “Por ser o berço da Ordem Franciscana, Assis esteve desde a Idade Média intimamente associada ao culto e à difusão do movimento franciscano no mundo, com foco na mensagem universal de paz e tolerância até mesmo para outras religiões ou crenças.”

Existem roteiros que nos ajudam a entender a história de São Francisco de Assis e sua espiritualidade. Nesta série de três artigos, vamos explorar alguns desses lugares.

Roteiro

Comece na Catedral de São Rufino, no alto de Assis. No interior da catedral encontra-se uma antiga fonte batismal, na parte posterior da igreja, à direita. Ali, Francisco e Clara foram batizados, assim como todos os seus primeiros seguidores de Assis. Na nave principal, por baixo do altar-mor, encontra-se um pequeno sarcófago que contém as relíquias de São Rufino. Ele foi um mártir do século III e o santo padroeiro de Assis na época de Francisco. Ele ainda é o santo padroeiro de Assis, embora São Francisco seja o padroeiro de toda a Itália.

Saia da igreja de São Rufino e siga em frente. Desça para a esquerda e, depois de uma caminhada curta e íngreme, você chegará à Piazza del Comune. Esta é a praça principal da cidade de Assis. Na Idade Média, era o centro do mercado. Como o pai de Francisco era um comerciante, ele cresceu em uma casa próxima. No lado norte da praça estão as antigas colunas e a fachada do que foi um templo na época dos romanos, dedicado à deusa Minerva. Hoje é uma igreja conhecida como Santa Maria sopra Minerva (Santa Maria sobre Minerva).

Veja a galeria de fotos:

Na direção da Basílica de Santa Clara tem outra igreja, a Chiesa Nuova (Igreja Nova). Construída sobre o que se acredita ser a casa onde nasceu Francisco, esta é a “mais nova” igreja de Assis (foi construído pelo rei da Espanha em 1615). Dentro da igreja está a cela que a tradição diz ser o local onde Francisco foi preso por seu pai. À esquerda do altar está uma escada. Há uma porta de madeira original do século 13 que se acredita ser a porta de entrada da casa. Abaixo da igreja está uma capela que se acredita ser o depósito do pai de Francisco.

Maravilha do mundo

No final do beco ao lado da Chiesa Nuova está uma pequena capela conhecida como San Francesco Piccolino (Pequeno São Francisco). Segundo a tradição, Francisco nasceu aqui. Logo acima da porta está uma inscrição em latim que significa: “Este oratório era um estábulo de bois e burros, onde nasceu São Francisco, maravilha do mundo”. As pessoas vêm aqui para rezar por uma gravidez e partos seguros, bem como por seus filhos e netos.

Continuando, descendo a escadaria à direita, a rua se abre para outra praça com uma fonte. Na parte inferior fica o bispado, a residência do bispo, e uma igreja conhecida como Santa Maria Maggiore (Santa Maria Maior). Recentemente designada como “Santuário da Espoliação”, esta igreja marca o local de um acontecimento importante na vida de São Francisco.

Aqui, Francisco confrontou seu pai e tirou suas roupas finas, devolvendo tudo a seu pai para confiar somente em Deus. Construída sobre uma nobre casa romana, esta igreja serviu como catedral de Assis até o século 11, quando a sede do bispo foi transferida para São Rufino. Até hoje é a residência do bispo de Assis.

Companheiros

No topo da praça está a Via Bernardoda Quintavalle. Continuando por esta rua em 100 metros está a casa medieval de Bernardo de Quintavalle. Bernardo era um nobre rico e o primeiro companheiro a se juntar a Francisco. As antigas lendas contam que ele convidou Francisco para jantar e pernoitar aqui. Depois de observar Francisco rezando durante a noite, no dia seguinte, Bernardo decidiu segui-lo. Eles foram a uma igreja para rezar e pedir a luz de Deus para descobrir sua missão de vida.

Os peregrinos podem percorrer o mesmo caminho que os dois homens percorreram em 1206. De costas para a casa de Bernardo, suba a ladeira pela rua estreita. Na movimentada rua Via Portica, vire à direita e em poucos passos você chegará à entrada do Museu do Foro Romano (Fórum Romano). Dentro do átrio estão os restos da antiga igreja, San Nicolò (São Nicolau). Aqui, Francisco e Bernardo abriram o Evangelho em três versículos bíblicos separados que revelaram sua missão (curiosamente, a Bíblia que eles abriram está agora no Museu Walter Scott em Baltimore, Maryland).

Grandiosidade da arquitetura, da arte e da fé católica

Agora siga as placas até a Basílica de São Francisco. Esta igreja é um dos locais mais importantes de Assis para os peregrinos. Encomendada pelo Papa Gregório IX como local de sepultamento de São Francisco em 1228, demorou o restante do século 13 para ser concluído. Os melhores artistas da época – Cimabue, Giotto e Lorenzetti – foram chamados para embelezar as paredes e tetos com afrescos. O ciclo de afrescos da basílica superior de Giotto sobre a vida de São Francisco é considerado sua obra-prima. Em 1818, escavações foram iniciadas para revelar a tumba de São Francisco. Seu sarcófago foi descoberto e a área limpa para criar uma cripta para visita dos peregrinos.

O mais recente livro de Bret Thoman, Following Francis and Clare, traz detalhes desta magnífica peregrinação, além de uma dúzia de outros em Assis e arredores.




Leia também:
Santa Clara de Assis: uma história que fascinará em todos os tempos


São Francisco de Assis

Leia também:
Seria este o mais antigo e autêntico retrato de São Francisco de Assis?

Tags:
ArteSantosViagem
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Exorcista padre Gabriele Amorth
Gelsomino Del Guercio
Os assombrosos diálogos entre o diabo e um exorcista do Vaticano
2
Aleteia Brasil
O dia em que os cães farejadores detectaram Alguém vivo no Sacrár...
3
HOLY COMMUNION
Reportagem local
A Santa Missa não pode ser trocada por orações pessoais: sem ela,...
4
BEATRIZ
Reportagem local
Mistério do sumiço de uma mulher em Aparecida já dura 9 anos
5
Berthe and Marcel
Lauriane Vofo Kana
O segredo do casal que tem a união mais longa da França
6
RECONSTRUCTED CHRIST
Lucandrea Massaro
Assim era Jesus: o misterioso Homem do Sudário, reconstruído em 3...
7
Sangue de São Januário ou San Gennaro
Reportagem local
Milagre do sangue de São Januário volta a ser registrado em Nápol...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia