Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Terça-feira 02 Março |
Santa Inês de Boêmia
home iconReligião
line break icon

Mais perto dos livros e mais longe de Deus? Santo Tomás esclarece esse erro

AQUINAS

Lawrence OP CC

Vitor Roberto Pugliesi Marques - publicado em 17/02/21

Tenhamos a obra, e sobretudo a vida, de Santo Tomás de Aquino como luz para, de vez, destruir a falácia de que a fé é incompatível com a racionalidade e a lógica

Em sua biografia filosófica sobre Santo Tomás de Aquino, o escritor e filósofo inglês G. K. Chesterton escreveu: “O que impressionava na vida de Santo Tomás era seu amor pelos livros e sua vida dedicada a eles; vivia exatamente como o personagem do acadêmico ou escriba dos Contos de Cantuária (obra de Geoffrey Chaucer, poeta inglês), que preferiria possuir cem livros sobre Aristóteles e sua filosofia a obter qualquer riqueza que o mundo pudesse oferecer”. De fato, o amor de Santo Tomás pelos livros é algo impressionante, haja vista a obra monumental que deixou, tendo vivido em uma época de difícil acesso a livros e sem ter as facilidades modernas da internet e seus sites de busca. 

O que é digno de admiração na vida do Doutor Angélico, entretanto, é que, à medida em que ele vai trilhando sua caminhada intelectual, vai encontrando traços de Deus em tudo que experimenta. Quando o pensamento era de que a filosofia grega era inconciliável com a fé cristã, Santo Tomás se coloca a estudar a obra de Aristóteles e mostrar que nessa obra pagã pode-se encontrar bases para um entendimento racional e vivo dos ensinamentos de Cristo. Não existe para ele contradição, mas, sim, a soma de forças para se conseguir entender o imensurável amor de Deus. Penso que o episódio de sua biografia que sintetiza melhor esse seu pensamento da unidade de todas as coisas em Deus seja o embate filosófico com Siger de Brabante.

Apenas uma verdade

Esse filósofo belga, nascido em Brabant, era mestre na faculdade de arte da Universidade de Paris e professava uma doutrina baseada na existência de uma dupla verdade: a verdade do mundo sobrenatural e a verdade do mundo natural. Conforme nos explica Chesterton, Siger de Brabante partiu a cabeça humana em duas e o desenrolar de sua filosofia sutilmente permitiria intuir que existe, então, o campo irracional da fé e o campo racional das ciências. Ora, quem gostaria de ficar do lado do ilógico? Quem quer defender aquilo que não faz sentido? Creio que ninguém. Nesta linha de análise, à medida em que o homem vai se aproximando dos estudos, das ciências e da racionalidade, ele vai tender, cada dia mais, a se afastar de Deus, por ver na fé um balaio de irracionalidade e caos. Não é, afinal, que ainda vemos ser professado a todo momento nas universidades e círculos de pensadores que se dizem modernos?

Para o nosso bem, diante desse erro, Santo Tomás foi contundente e declarou que existe apenas uma verdade, sendo a fé essa única verdade. Deste modo, nada que se venha a se descobrir na natureza pode contradizer a fé e, uma vez que a fé é a verdade única, nada que se venha a deduzir da fé pode contradizer os fatos. Partindo dessa premissa, quanto mais perto dos livros, mais o homem deve se aproximar de Deus, pois o estudo honesto permite encontrar Deus em toda a obra criada e em toda a cultura civilizada. Bebendo dessa fonte, vai declarar o cientista francês Louis Pasteur que “um pouco de ciência nos afasta de Deus. Muita, nos aproxima”. De modo semelhante, o geneticista estadunidense Francis Collins, em seu livro “A Linguagem de Deus: um cientista apresenta evidências de que Ele existe”, chega a semelhante análise por meio de um honesto testemunho de sua vivência com os estudos sobre o genoma humano. Tendo sido ateu convicto, ao inserir-se na grandeza da genética do ser humano e sua complexidade, passou de ateu a cristão convicto aos 27 anos de idade, pois jamais, sem a presença de um logos criador, aquilo tudo poderia existir.

Luz

Tenhamos a obra, e sobretudo a vida, de Santo Tomás de Aquino como luz para, de vez, destruir a falácia de que a fé é incompatível com a racionalidade e a lógica, pois todos os caminhos levam a Deus. Para isso basta ter uma vida intelectual sadia e uma honestidade pura ao analisar a realidade que nos cerca. 


SAINT THOMAS AQUINAS

Leia também:
A virtude do silêncio, Santo Tomás e o ensinamento monástico




Leia também:
O holocausto e o “vigiai e orai”

Tags:
DoutrinaHistória da IgrejaSantos
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
KOMUNIA NA RĘKĘ
Claudio de Castro
Padre chora copiosamente diante da falta de respeito com a Eucari...
2
missionárias mártires iêmen
Reportagem local
A corajosa última oração destas 4 freiras antes de serem mortas p...
3
PRAYER
Desde la Fe
Coisas que você não deve fazer na Missa e talvez não saiba
4
HOLY FAMILY
Philip Kosloski
A antiga oração a São José que é “conhecida por nunca ter falhado...
5
RECONSTRUCTED CHRIST
Lucandrea Massaro
Assim era Jesus: o misterioso Homem do Sudário, reconstruído em 3...
6
Kathleen N. Hattrup
O homem que beijou a testa do Papa diz que se curou em Lourdes
7
PRAY YOUNG
Arquidiocese de São Paulo
Rezar o terço sem contemplar os mistérios é válido?
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia