Aleteia logoAleteia logoAleteia
Segunda-feira 15 Abril |
Aleteia logo
Cultura & Viagem
separateurCreated with Sketch.

Basílica dos Santos Nereu e Aquileu: a antiga “igreja dos curativos”

shutterstock_782512.jpg

Evgeny Mogilnikov | Shutterstock

Marinella Bandini - publicado em 10/03/21

Reviva a antiga tradição quaresmal dos cristãos romanos descobrindo as "igrejas estacionais”

A pequena basílica dos Santos Nereu e Aquileu hoje é um local popular para casamentos, rodeada pela paisagem verde e por monumentos antigos das Termas de Caracala.

A dedicação a Nereu e Aquileu data do século VI, mas a igreja é aproximadamente dois séculos mais antiga e está ligada à uma lenda a respeito de São Pedro, que em uma fuga de Roma, teria perdido ali um dos curativos (fasciola em latim) que amarravam suas feridas. A dedicatória “titulus fasciolae” ainda pode ser lida acima do portal de entrada.

A igreja atual foi reconstruída pelo Papa Leão III (século IX), que também conseguiu que as relíquias de Nereu e Aquileu fossem levadas à basílica.

A última grande reestruturação data do jubileu de 1600, encomendado pelo cardeal titular César Barônio, da Congregação do Oratório, também conhecida como Oratorianos ou Ordem de São Filipe Néri. 

A ele se deve também os afrescos da abside e da nave. Os primeiros ilustram a vida e o martírio de Nereu, Aquileu e Domitila – por um tempo pensou-se que eles estavam a seu serviço. Nas naves, cenas de martírio inspiradas no Martirológio Romano.

Nereu e Aquileu eram dois soldados, martirizados a mando de Diocleciano e, inicialmente, enterrados na catacumba de Domitilla, onde ainda é possível identificar uma basílica semi-subterrânea a eles dedicada (século IV).

A estação de hoje há alguns anos passou a substituir a igreja de “San Sisto vecchio”, que fica do lado oposto da rua, trajeto que acabou se tornando inviável.

Ouve as leis e os preceitos que hoje vou ensinar-vos. Coloque-os em prática para que vivaisDeuteronômio, 4, 1



Leia também:
Basílica de Santa Balbina, a mártir que encontrou as correntes de São Pedro

* Em colaboração com o Escritório de Comunicação Social do Vicariato de Roma

Tags:
igrejasViagem
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia