Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sexta-feira 03 Dezembro |
São Cromácio de Aquileia
Aleteia logo
Cultura e Viagem
separateurCreated with Sketch.

Duas casas, uma mártir e freiras: a Igreja de Santa Susana

Diego Fiore | Shutterstock

Marinella Bandini - publicado em 15/03/21

Reviva a antiga tradição quaresmal dos cristãos romanos descobrindo as "igrejas estacionais”

Susana foi martirizada após recusar-se a casar com o filho do Imperador Diocleciano, pois queria entregar-se a Deus. Assim diz a lenda, que coloca o lugar de seu martírio em sua própria casa, perto dos antigos banhos de Diocleciano. Ali, desde meados do século VI, existe uma igreja dedicada a ela, outrora conhecida como “ad duas domus”, porque reunia duas casas: a de Gabino, pai de Susana, e a de Caio, que mais tarde se tornou Papa e é tido como tio de Susana.

A igreja foi reconstruída no século IX e depois no XV, por Sisto IV, e no final do século XVI pelo Cardeal Rusticucci, protetor da ordem cisterciense, que detinha a concessão da igreja naqueles anos. Ainda hoje, após várias adversidades, ela continua sob os cuidados das freiras cistercienses.

A fachada da igreja é de Carlo Maderno, as estátuas nos nichos representam Santa Susana e Santa Felicidade junto ao portal, Gabino e Caio na ordem superior.

Há vários anos, a igreja está fechada para restauração. Nos últimos anos, a Estação Quaresmal foi celebrada na igreja vizinha de Santa Maria della Vittoria, famosa pela obra “Êxtase de Santa Teresa”, de Bernini. Este ano, será realizada na igreja de São Camilo de Lellis, também nas proximidades.

Pois todo o que se exaltar será humilhado, e quem se humilhar será exaltado



Leia também:
Óleo milagroso ou água? As fontes da Basílica de Santa Maria em Trastevere

* Em colaboração com o Escritório de Comunicação Social do Vicariato de Roma

Tags:
igrejasQuaresmaViagem
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia