Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sexta-feira 30 Julho |
Santos Abdon e Sénen
home iconAtualidade
line break icon

Menina que motivou decapitação de professor admite que mentiu

Homenagem a Samuel Paty

Bertrand GUAY / AFP

Homenagem a Samuel Paty, professor decapitado na França em 16 outubro de 2020.

Reportagem local - publicado em 15/03/21 - atualizado em 14/03/21

Samuel Paty foi brutalmente assassinado após ser acusado de ódio ao islã; a sua morte se deveu à mentira de uma aluna de 13 anos

Menina que motivou decapitação de professor admite que mentiu: Samuel Paty, professor de História na escola de Conflans-Sainte-Honorine, na periferia de Paris, foi brutalmente assassinado em 16 de outubro de 2020, após ser acusado de ódio ao islã. A sua morte se deveu à mentira de uma aluna muçulmana de 13 anos.

Segundo o jornal Le Parisien, a menina deu um novo depoimento em 25 de novembro perante o juiz antiterrorismo e voltou atrás em relação ao que tinha afirmado em seu primeiro depoimento, realizado em 8 de outubro. Ela admitiu que não estava na escola durante uma aula de Samuel Paty sobre liberdade de expressão na qual o professor mostrou caricaturas do profeta Maomé publicadas pelo jornal satírico Charlie Hebdo.

No entanto, em outubro, ela havia contado ao pai e também à polícia que o professor tinha obrigado os alunos muçulmanos a sair da sala durante a apresentação. Como se esta mentira não bastasse, ela ainda acrescentou que se recusou a sair, discutiu com Paty e terminou expulsa. Seu pai, indignado, gravou um vídeo relatando o caso. Essa gravação viralizou nas redes sociais e despertou a fúria de islamitas radicais. O telefone e o endereço de Paty foram vazados e ele começou a sofrer uma série de ameaças. Chegou a ser denunciado à polícia por “difusão de imagens pornográficas”, acusação sem provas pela qual teve de prestar depoimento. O professor também declarou que a aluna adolescente não estava na escola quando ele mostrou as caricaturas.

Colegas da jovem confirmaram esta informação. Os estudantes também declararam que o professor não forçou nenhum aluno muçulmano a deixar a sala: pelo contrário, Samuel Paty alertou que as caricaturas poderiam ser chocantes para eles e disse que eles não seriam obrigados a ver as imagens, embora elas fossem o tema daquela aula sobre liberdade de expressão.

Menina que motivou decapitação de professor admite que mentiu

De acordo com as informações reproduzidas por Le Parisien, a garota foi informada sobre o depoimento dos colegas e, em novo interrogatório no dia 23 de novembro, os acusou de estarem mentindo. No dia 25, porém, quando os investigadores a sondaram sobre os motivos da denúncia de islamofobia, ela se retratou e confessou que estava ausente naquele dia porque cumpria uma suspensão.

As investigações policiais apontaram que a aluna tem uma trajetória escolar de ausências e suspensões por mau comportamento, ao passo que sua irmã gêmea é vista como exemplar.

Le Parisien comenta:

“Uma confissão que denota um contexto familiar difícil”.

Esse “contexto familiar difícil”, associado ao fanatismo, redundou no assassinato de um professor inocente.


Catedral Notre-Dame de Nice

Leia também:
Assassinatos na catedral de Nice acirram tensão: extremismo x limites à liberdade

Tags:
mentiraMuçulmanosViolência
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Ítalo Ferreira
Reportagem local
Ouro no surfe em Tóquio, Ítalo Ferreira rezou todos os dias às 3h...
2
SIMONE BILES
Cerith Gardiner
Simone Biles deixa as Olimpíadas com uma lição importante para to...
3
Batizado de Davi Henrique, 6 anos
Reportagem local
Davi, de 6 anos, reclama do padre no batizado: “Tá sabendo ...
4
CANDLELIGHT PROCESSION AND ROSARY
Elizabeth Zuranski
A oração escondida no fim da Ave-Maria
5
HIDILYN DIAZ
Cerith Gardiner
Olimpíadas: depois de ganhar o ouro, atleta exibe outra medalha e...
6
Claudio de Castro
Como salvar nossas almas nos últimos minutos antes da morte
7
morning
Philip Kosloski
Uma oração da manhã fácil de memorizar
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia