Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quinta-feira 15 Abril |
São Damião Veuster
home iconReligião
line break icon

O demônio existe: as provas do Magistério

Jesus rejeita tentação do diabo no deserto

Shutterstock

Vanderlei de Lima - publicado em 28/03/21

O diabo, por livre opção, se tornou mal ao pecar; todavia, seus poderes são limitados

Ante negações gratuitas da existência do demônio, elaboramos este artigo para reafirmar – à luz do Magistério da Igreja – que o demônio realmente existe. Ele é um anjo que Deus criou bom, mas se perverteu pelo pecado (cf. Carta de S. Leão, Papa, ao Bispo de Astorga, ano 447, in Justo Collantes, SJ. La fé de la Iglesia católica: las ideas e los hombres en los documentos doctrinales del Magisterio. 3ª ed. Madri: BAC, 1983, p. 147-148, n. 199).

A primeira questão levantada contra a existência do Maligno, como se nota, é a seguinte: “o Magistério da Igreja nunca a definiu solenemente por meio de um Concílio Ecumênico ou por um pronunciamento ex cathedra (infalível) do Santo Padre, o Papa”. Tal objeção pode ser respondida com facilidade em duas partes: 1) “A Igreja nunca sentiu a necessidade de definir a existência do demônio como tal. A razão disso é que as definições do Magistério supõem sempre a negação de alguma verdade revelada por Deus. Ora, nunca na Antiguidade e na Idade Média foi negada a existência do demônio. […] Por isto as intervenções do Magistério versaram somente sobre aspectos da ação do Maligno no mundo, dando sempre por certa a existência do mesmo” (Dom Estêvão Bettencourt, OSB. Curso sobre o Ocultismo. Rio de Janeiro: Mater Ecclesiae, 1990, p. 97). 2) A Igreja ensina que todo fiel deve acolher com religiosa submissão da vontade e do entendimento o magistério autêntico – ou seja, no campo da fé e da moral – do Sumo Pontífice, “mesmo quando não fala ex cathedra” (Lumen Gentium, 25). Sim, pois quem recusa essa modalidade de magistério não infalível, mas autêntico, “peca gravemente contra a sujeição e obediência devidas à autoridade da Igreja” (Antônio Royo Marín. A fé da Igreja. 2ª ed. Campinas: Ecclesiae, 2018, p. 116). Para o verdadeiro fiel católico só estes dados bastam para sanar a dúvida levantada. Como quer que seja, dando um passo à frente, apresentemos trechos extraídos do Magistério ordinário sobre o tema em foco.

Professamos no Credo niceno-constantinopolitano: “Creio em um só Deus, Criador de todas as coisas, visíveis e invisíveis”. Pois bem: os seres invisíveis são os anjos bons e maus. Acrescenta o Concílio do Latrão IV (1215), ante doutrinas falsas que ensinavam existir dois princípios coeternos, o Bem e o Mal, que “o diabo e os demais demônios foram certamente por Deus criados bons em sua natureza, mas por si mesmos se tornaram maus” (La fé de la Iglesia católica, p. 151-152, n. 208). Em suma, o demônio não é eterno, mas criatura de Deus. Ora, tudo o que Deus fez é bom em sua essência – também o diabo –, mas ele, por livre opção, se tornou mal ao pecar. Todavia, seus poderes são limitados (cf. Catecismo da Igreja Católica n. 395), pois só age com a permissão de Deus (cf. Jó 1,6-12; Lc 22,31; Mt 8,30-32). O Pai celeste permite ao Maligno agir contra os seres humanos para lhes fortalecer a virtude, uma vez que nos dá a graça de resistir às investidas diabólicas (cf. 1Cor 10,13). Afinal, tudo coopera para o bem dos que amam a Deus (cf. Rm 8,28).

No século XX, o Concílio do Vaticano II (1962-1965) afirmou que o “Filho de Deus, por sua morte e ressurreição, nos livrou do poder de Satanás” (Sacrosanctum Concilium 6); “o Pai enviou seu Filho a fim de por Ele arrancar os homens do poder das trevas e de Satanás” (Ad Gentes 3); “Cristo derrotou o império do diabo” (Ad Gentes 9). Aludindo a Efésios 6,11-13, o Concílio fala das “ciladas do demônio” (Lumen Gentium 48). Os Papas recentes também têm feito pronunciamentos sobre a existência real e a ação do demônio no mundo. Além de São Paulo VI, na Audiência Geral de 15/11/1972, se pronunciaram São João Paulo II, em sua visita à Puglia, em 1987, Bento XVI, durante sua viagem ao Líbano, em 2012, e o Papa Francisco, no Encontro com as Crianças da paróquia de São Crispim, em 2019 (cf. O Magistério dos Papas sobre a realidade do demônio, 20/03/19, online, vaticannews.va). 

Queira, prezado(a) irmão(ã), pensar e sentir com a Igreja – também no campo da Demonologia (Estudo sobre o Demônio) –, pois, assistida pelo Divino Santo, ela nos traz apenas a verdade libertadora (cf. Jo 8,32); a mentira provém do Maligno (cf. Jo 8,44).


GABRIELE AMORTH

Leia também:
O demônio existe: os testemunhos da Tradição

Tags:
DemônioDoutrinaMal
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
KRZYŻYK NA CZOLE
Beatriz Camargo
60 nomes de bebês que carregam mensagens poderosas
2
MIGRANT
Jesús V. Picón
O menino perdido no deserto nos convida a refletir
3
Pe. Zezinho
Reportagem local
Não desprezem o templo nem posem de católicos avançados, alerta o...
4
LOVE AND MERCY FILM
Aleteia Brasil
O filme sobre Santa Faustina e a Divina Misericórdia já está disp...
5
DIVINE MERCY
Reportagem local
Como obter indulgência plenária no Domingo da Divina Misericórdia...
6
agnus Dei
Catholic Link
Filme “Agnus Dei”: o dilacerante calvário das freiras...
7
Aleteia Brasil
Havia um santo a bordo do Titanic?
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia