Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Terça-feira 27 Julho |
São Galactório
home iconEspiritualidade
line break icon

Papa explica o Tríduo Sacro dia por dia: Quinta, Sexta e Sábado Santos

Última Ceia e lava-pés no Tríduo Sacro

rudall30 | Shutterstock

Francisco Vêneto - publicado em 31/03/21

Na catequese de hoje, o Papa repassou o Tríduo Sacro e recordou: "O Ressuscitado nos dá a certeza de que o bem triunfa sobre o mal"

Papa explica o Tríduo Sacro dia por dia: na catequese da audiência geral desta quarta-feira, 31 de março, o Papa Francisco recapitulou as três jornadas litúrgicas em que a Igreja Católica revive o mistério da Paixão, Morte e Ressurreição de Jesus, a partir da tarde da Quinta-Feira Santa, com a Missa da Ceia do Senhor, até a Vigília Pascal, em que celebramos o triunfo definitivo de Cristo sobre a morte.

Quinta-Feira Santa

“É a noite em que Cristo entregou aos seus discípulos o testamento do seu amor na Eucaristia, não como uma lembrança, mas como um memorial, como a sua presença perene. É a noite em que Ele nos pede para nos amarmos uns aos outros, tornando-nos servos uns dos outros, como Ele fez ao lavar os pés dos discípulos. É um gesto que antecipa a cruenta oblação na cruz. Vivemos esse mistério toda vez que celebramos a Eucaristia. Quando vamos à Missa não vamos apenas para rezar: vamos para renovar, para fazer esse Mistério novamente pascal. Isso é importante não esquecermos”.

Sexta-Feira Santa

“É um dia de penitência, jejum e oração. Através dos textos das Escrituras Sagradas e orações litúrgicas, estaremos reunidos no Calvário para rememorar a Paixão a Morte redentora de Jesus Cristo. Adorando a Cruz, reviveremos o caminho do Cordeiro inocente imolado para a nossa salvação. Na hora do supremo Sacrifício na Cruz, Ele realiza plenamente a obra confiada pelo Pai: entra no abismo do sofrimento, entra em sofrimento, entra nessas calamidades deste mundo, para redimir, transformá-lo e libertar cada um de nós do poder das trevas, do orgulho, da resistência a sermos amados por Deus. Graças a Ele, abandonado na cruz, ninguém ficará para sempre sozinho na escuridão da morte”.

Santo Sábado

“É chamado de ‘dia do silêncio’, um ‘grande silêncio’ por toda a terra, um silêncio vivido no choro e na perplexidade dos primeiros discípulos, chocados com a ignominiosa morte de Jesus. Enquanto a Palavra está em silêncio, enquanto a Vida está no túmulo, aqueles que esperaram nele são submetidos a julgamento severo: eles se sentem órfãos; talvez órfãos até de Deus. Este sábado também é dia de Maria: também ela o vive entre lágrimas, mas o seu coração está cheio de fé, cheio de esperança, cheio de amor. A Mãe tinha seguido o Filho ao longo do caminho doloroso e tinha se mantido em pé ao pé da cruz, mesmo com a alma trespassada. Mas quando tudo parece acabado, ela cuida, ela cumpre a espera, com esperança na promessa de Deus de ressuscitar os mortos. Assim, na hora mais sombria do mundo, ela se tornou mãe dos que acreditam, mãe da Igreja e sinal de esperança. Seu testemunho e intercessão nos sustentam quando a cruz se torna pesada demais para nós”.

A noite de sábado é também o momento da Vigília Pascal, sobre a qual o Papa também recordou:

“Na escuridão do Sábado Santo, irromperão a alegria e a luz com os ritos da Vigília Pascal e com o canto jubiloso do Aleluia. Aquele que tinha sido crucificado ressuscitou! Todas as perguntas e incertezas, hesitações e medos são dissipados por essa revelação. O Ressuscitado nos dá a certeza de que o bem sempre triunfa sobre o mal, que a vida sempre supera a morte e que o nosso fim não é descer cada vez mais, de tristeza em tristeza, mas sim subir ao topo. O Ressuscitado é a confirmação de que Jesus está certo em tudo, prometendo-nos vida além da morte e perdão além dos pecados”.

Papa explica o Tríduo Sacro dia por dia

Além de repassar o fundamental sobre cada jornada do Tríduo Sacro, Francisco recordou as difíceis circunstâncias em que, pelo segundo ano consecutivo, teremos de viver este período central da Semana Santa:

“Em tantas situações de sofrimento, especialmente quando quem as padece são indivíduos, famílias e povos já provados pela pobreza, calamidade ou conflito, a Cruz de Cristo é como um farol que indica o porto para os navios que ainda flutuam num mar tempestuoso. A Cruz de Cristo é o sinal de esperança que não desilude; e nos diz que nem uma lágrima, nem sequer um gemido, são perdidos no desígnio de salvação de Deus”.


Relógio da Paixão

Leia também:
Os horários da Paixão: de hora em hora, cada momento da entrega de Jesus por nós

Tags:
CatecismoPapa FranciscoPáscoaSemana Santa
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Reportagem local
A arrepiante oração de uma mulher no corredor da morte por ser ca...
2
st charbel
Reportagem local
Por acaso não está acontecendo o que São Charbel disse?
3
Aleteia Brasil
Sorrisão e joelhos: 2 pais brasileiros e seus bebês que emocionar...
4
CROSS;
Reportagem local
O que significa o sinal da cruz feito sobre a testa, os lábios e ...
5
JENNIFER CHRISTIE
Jeff Christie
Minha mulher engravidou de um estuprador – e eu acolhi o bebê nas...
6
CONFESSION, PRIEST, WOMAN
Julio De la Vega Hazas
Por que não posso me confessar diretamente com Deus?
7
Anna Gębalska-Berekets
O que falar (e o que não falar) a um ente querido com câncer
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia