Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sexta-feira 24 Setembro |
home iconHistórias Inspiradoras
line break icon

Morto por leucemia 21 dias após ordenação, o pe. Livinus comove o mundo

Padre Livinus

Facebook I Katoliko Ako Forever

Francisco Vêneto - publicado em 11/05/21

Jovem sacerdote de 31 anos recebeu a unção sacerdotal no hospital por permissão especial do Papa Francisco

Morto por leucemia 21 dias após ordenação sacerdotal, o pe. Livinus Esomchi Nnamani, da congregação Mater Dei, havia recebido o sacramento da ordem sacerdotal na Quinta-Feira Santa, em pleno leito hospitalar, pelas mãos de dom Daniele Libanori, bispo auxiliar de Roma.

Por estar gravemente doente, o jovem religioso de 31 anos tinha obtido uma autorização especial do Papa Francisco para adiantar a sua ordenação sacerdotal.

Neste mundo, o pe. Livinus foi sacerdote durante apenas 23 dias, mas continuará sacerdote para toda a eternidade devido ao caráter indelével deste sacramento.

Embora a sua história tenha sido divulgada em abril, ela continuou girando o mundo através das redes sociais e ainda comove centenas de milhares de católicos e não católicos de dezenas de países.

Um pedido extraordinário

O religioso era da Nigéria e tinha chegado à Itália em 2019. Enquanto lutava contra a doença, continuou estudando para o sacerdócio com determinação. Uma piora em seu quadro de saúde o levou a solicitar do Papa Francisco a especial autorização de adiantar a sua ordenação sacerdotal. O religioso escreveu uma carta a mão no dia 31 de março, durante a Semana Santa, provavelmente sem imaginar que o seu intenso desejo se realizaria em apenas 24 horas.

Dom Libanori relatou o fato à Rádio Vaticano – Vatican News, testemunhando a força dessa experiência de fé no dia em que Jesus Cristo estabeleceu o sacerdócio e a Eucaristia:

“Fiquei sabendo deste jovem religioso, doente e hospitalizado aqui em Roma; do desejo dele de se tornar sacerdote; soube que ele precisava de permissão especial. Então eu disse ao superior dele que ele próprio devia fazer este pedido. Uma hora mais tarde, ou pouco mais, mas ainda não tinham passado duas horas, o Santo Padre deu a sua permissão para que ele fosse ordenado. Tudo aconteceu no dia 31 de março, na manhã de Quarta-Feira Santa. Tudo em menos de duas horas”.

A permissão especial de Francisco

No dia seguinte, Quinta-Feira Santa, dom Libanori se encontrou com o Papa Francisco na Basílica de São Pedro:

“Fui até ele em sua sacristia e lá ele me deu o documento com o consentimento para a ordenação de Livinus. Na mesma tarde, no Centro de Saúde, fizemos a liturgia da ordenação. Livinus estava muito emocionado, mas também sofrendo por conta do seu estado de saúde. Celebramos a Missa com dignidade, tentando não cansá-lo muito. Ele ficou feliz com isso. Acredito que tenha sido um momento muito íntimo”.

Padre Livinus

As mãos do novo sacerdote foram ungidas com o Crisma consagrado pelo Papa poucas horas antes, na Basílica de São Pedro.

“Eu disse a Livinus que ele vive o seu sacerdócio nesta oferenda de si mesmo, na doença que lhe pesa, que talvez até o humilhe e que certamente o impede de viver o seu ministério como tantos outros. Mas a única, verdadeira, grande Missa que todo cristão celebra é aquela em que ele mesmo se oferece vivendo a vida diária e, quando Deus quiser, sua morte em união com Cristo. Portanto, o sacerdócio de Livinus não é mortificado em sua condição; pelo contrário, é exaltado, porque se torna ainda mais evidente quem é o sacerdote”.

A primeira bênção do pe. Livinus foi dada aos médicos e enfermeiros.

Morto por leucemia 21 dias após ordenação, o pe. Livinus comove o mundo

Segundo o Vatican News, o superior geral do sacerdote na congregação Mater Dei fez questão de acompanhar o pe. Livinus no hospital e rezar com ele o Terço da Misericórdia. Participou da oração também um jovem que está fazendo o seu discernimento vocacional.

Era a manhã da sexta-feira 23 de abril. Pouco depois, às 11h10, o pe. Livinus entregou o espírito nas mãos do Pai, enquanto seus irmãos religiosos o confiavam ao amparo de Nossa Senhora rezando o “Sub tuum praesidium” (“À vossa proteção recorremos, Santa Mãe de Deus”).

Emocione-se com mais histórias semelhantes:

Tags:
MortePadressacerdoteSacramentos
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Top 10
1
Sangue de São Januário ou San Gennaro
Reportagem local
Milagre do sangue de São Januário volta a ser registrado em Nápol...
2
Vulcão Cumbre Vieja
Violeta Tejera
Vulcão Cumbre Vieja obriga pároco a evacuar capela às pressas
3
Jim Caviezel
J-P Mauro
Jim Caviezel presta uma homenagem eletrizante a Maria
4
Maria Paola Daud
O dia em que Nossa Senhora parou a lava do vulcão Etna
5
Exorcista padre Gabriele Amorth
Gelsomino Del Guercio
Os assombrosos diálogos entre o diabo e um exorcista do Vaticano
6
RECONSTRUCTED CHRIST
Lucandrea Massaro
Assim era Jesus: o misterioso Homem do Sudário, reconstruído em 3...
7
Oração católica para pedir chuva
Reportagem local
Existe oração católica para pedir chuva? Sim, e aqui vai ela
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia