Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Terça-feira 21 Setembro |
home iconHistórias Inspiradoras
line break icon

Papa beija marca no braço de sobrevivente de Auschwitz

LIDIA MAKSYMOWICZ

EIDON/REPORTER

I. Media - publicado em 31/05/21

As imagens são comoventes

O Papa Francisco beijou a marca no braço de uma ex-prisioneira de Auschwitz-Birkenau no início do seu encontro semanal com os peregrinos no dia 26 de maio de 2021.

As imagens são comoventes. E aconteceram no pátio de São Dâmaso, no Vaticano. Ao saudar os numerosos fiéis que vieram ouvi-lo, o Papa Francisco se aproximou de uma senhora idosa. Primeiro trocam algumas palavras quando, rapidamente, a senhora enrola a manga da blusa. O Papa então se reclina para beijar o antebraço da mulher.

LIDIA MAKSYMOWICZ

Esta senhora, agora com mais de 80 anos, é Lidia Maksymowicz, deportada para Auschwitz-Birkenau quando ainda não tinha três anos. Em seu braço: o número ainda visível que os nazistas imprimiram nele, como se faz com gado.

Lidia Maksymowicz passou três anos de sua vida no “bloco infantil” deste campo onde mais de um milhão de pessoas morreram. Durante esses anos de horror, ela serviu como cobaia e passou por vários experimentos médicos.

“De sua prisão, ela se lembra da fome, dos piolhos, do terror das crianças quando os médicos chegavam”, resume um artigo de Sant’Egidio.

Em outro testemunho , ela conta como sua mãe, então com 22 anos, esforçou-se para trazer para ela um pedaço de cebola e pão. “Eu sou uma das poucas sobreviventes. Mais de 200.000 crianças morreram lá ”, disse. Anos depois, ela encontraria sua mãe, que ela pensava estar morta.

A sobrevivente, que vive em Cracóvia, estava na Itália para a apresentação do documentário que conta a sua vida e leva o título do número tatuado em sua pele: “70072, a menina que não sabia odiar”.

LIDIA MAKSYMOWICZ

Uma visita recente do Papa a um sobrevivente do Holocausto

Em fevereiro passado, o Papa Francisco fez uma visita de improviso a Edith Bruck, uma sobrevivente do Holocausto, em sua casa em Roma. A conversa com a escritora judia de origem húngara foi a ocasião para ela testemunhar a experiência do inferno dos campos de concentração. Em seguida, ela discutiu com o Papa Francisco “os temores e as esperanças do tempo presente” e o papel da memória.

Em julho de 2016, por ocasião da JMJ organizada na Polônia, o Papa Francisco passou muito tempo no campo de Auschwitz, sem fazer um discurso. À noite, ele se questionou diante dos jovens: “Quanta crueldade! Como será possível que nós, seres humanos, criados à semelhança de Deus, sejamos capazes de fazer essas coisas?” E depois afirmou: “A crueldade não acabou em Auschwitz”.

Tags:
MortePerseguiçãoViolência
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Top 10
1
BEATRIZ
Reportagem local
Mistério do sumiço de uma mulher em Aparecida já dura 9 anos
2
Exorcista padre Gabriele Amorth
Gelsomino Del Guercio
Os assombrosos diálogos entre o diabo e um exorcista do Vaticano
3
Berthe and Marcel
Lauriane Vofo Kana
O segredo do casal que tem a união mais longa da França
4
Aleteia Brasil
O dia em que os cães farejadores detectaram Alguém vivo no Sacrár...
5
Papa Francisco
Francisco Vêneto
Papa reafirma: casamento sacramental é só entre homem e mulher
6
HOLY COMMUNION
Reportagem local
A Santa Missa não pode ser trocada por orações pessoais: sem ela,...
7
Pe. Zezinho
Reportagem local
Pe. Zezinho faz alerta sobre orações de cura e libertação
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia