Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quinta-feira 18 Abril |
Aleteia logo
Religião
separateurCreated with Sketch.

Dispensa da Missa dominical é encerrada na Polônia

Polônia, Santuário de Jasna Góra

konradkerker | Shutterstock

Reportagem local - publicado em 15/06/21

Devido à pandemia, os católicos estavam provisoriamente dispensados da obrigatoriedade

A dispensa da Missa dominical será encerrada na Polônia no próximo domingo, 20 de junho, em todas as dioceses que a adotaram em decorrência das restrições à liberdade de movimentos impostas pela pandemia de covid-19.

A decisão unânime dos bispos foi tomada durante a assembleia plenária da Conferência Episcopal Polonesa, nos dias 11 e 12 de junho, com base na gradual redução dos contágios pelo coronavírus no país.

Dispensa da Missa dominical

Vale recordar que a participação na Santa Missa dominical é de preceito para todo católico adulto que não esteja impedido por graves limitações, de modo que faltar à Santa Missa aos domingos constitui pecado mortal. Este preceito havia sido provisoriamente levantado pelo episcopado de muitos países durante as fases mais críticas da pandemia do coronavírus.

A Polônia está entre os 15 países mais atingidos do mundo pela pandemia, com quase 2,9 milhões de pessoas infectadas e mais de 74 mil mortos. No entanto, a média diária de novas infecções tem apresentado redução e hoje está em cerca de 370 novos casos confirmados por dia. Em comparação, a média de novas contaminações por dia no Brasil está acima de 60 mil.

A última sexta-feira, 11 de junho, foi a festa do Sagrado Coração de Jesus. Nessa ocasião emblemática, o episcopado polonês renovou a consagração do país ao Sagrado Coração em plena Basílica do Sagrado Coração de Jesus em Cracóvia, durante concelebração eucarística presidida por dom Stanisław Gądecki.

O presidente da Conferência Episcopal Polonesa declarou que, tal como há cem anos, os católicos da Polônia dedicam sua pátria a Jesus e lhe confiam “toda a nossa vida pessoal, familiar e social, que queremos alicerçar nos sólidos princípios do Evangelho”.

De fato, os bispos poloneses tinham entregado o seu país ao Sagrado Coração de Jesus no dia 27 de julho de 1920, em Jasna Góra (foto), renovando solenemente a consagração no ano seguinte, já na Basílica do Sagrado Coração de Jesus em Cracóvia. Este foi, portanto, o ato de consagração que acaba de ser renovado por ocasião do seu centenário.

Tags:
BisposDoutrinaMissaPandemia
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia