Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quarta-feira 27 Outubro |
Aleteia logo
home iconEspiritualidade
line break icon

Como o Precioso Sangue de Jesus pode nos aproximar?

Pe. Patrick Briscoe - publicado em 19/07/21

O Precioso Sangue de Jesus lava nossos pecados e, ao fazê-lo, torna possível que vivamos unidos a Deus e uns aos outros

Tradicionalmente, julho é o mês que a Igreja dedica ao Precioso Sangue de Jesus. No entanto, esse tema pode soar um pouco dissonante em nossas vidas, já que muitos tiram férias nesse período.

Porém, São Paulo nos diz:

“Agora, porém, graças a Jesus Cristo, vós que antes estáveis longe, vos tornastes presentes, pelo sangue de Cristo” (Ef 2,13).

Por mais espalhadas e diferentes que nossas vidas possam ser, todos somos feitos um no Sangue de Cristo.

Sangue e sacrifício no Antigo Testamento

No Antigo Testamento, aquele que oferecia sacrifício ficava, através desse sacrifício, mais perto de Deus. Na verdade, essa é a etimologia da palavra hebraica para sacrifício: o korban (קָרְבָּן qorbān) significa “estar perto”. 

Embora o povo de Israel possuísse um sistema cultural complexo e altamente específico, algumas palavras sobre a natureza do sacrifício no Antigo Testamento iluminam o entendimento cristão do sacrifício. 

Deus chamou o povo de Israel para ser uma nação separada, um povo peculiarmente seu. O sistema ritual, prescrito exaustivamente em Levítico, chamava este povo a um princípio central instado por Deus: “Sereis santos, porque eu sou santo” (Lv 11,45). Israel tem uma concepção única de Deus: a união pessoal com ele é o objetivo da vida. Deus é a fonte da qual toda força e vida derivam.

Diferentemente de outros povos antigos, o sacrifício humano era expressamente proibido em Israel . É verdade que o Deus de Israel exigiu que lhe dessem o primogênito. No entanto, é claro que os animais eram sacrificados no lugar das crianças. 

Sacrifício do cordeiro

Resgatar o primogênito com o sacrifício de um cordeiro torna-se o fundamento para uma teologia da substituição, permitindo a oferta de um animal para redimir uma criança.

Notoriamente no livro de Êxodo, é o sangue do cordeiro sacrificado por uma família, que protege a família do anjo da morte. O sangue é o sinal da aliança, que protege o povo de Israel.

Então, depois de fugir do Egito, Moisés recebe os Dez Mandamentos de Deus. No Monte Sinai, para ratificar a aliança do povo, o livro do Êxodo relata:

“Moisés tomou o sangue para aspergir com ele o povo: ‘Eis – disse ele – o sangue da aliança que o Senhor fez convosco, conforme tudo o que foi dito'” (Êxodo 24,8).

Portanto, o sangue da aliança significa a nova vida que Israel tem com Deus. A comunhão com Deus é mediada pelo sacrifício e tornada visível nos ritos.

O Sangue da Nova Aliança

O livro Carta aos Hebreus, do Novo Testamento, reconhece a centralidade do sangue no culto ritual israelita. Hebreus observa que a aliança foi ratificada com sangue de animais e que o sangue purifica o Templo. Explicando os costumes de Israel, Hebreus diz:

“Aliás, conforme a Lei, o sangue é utilizado para quase todas as purificações, e sem efusão de sangue não há perdão” (Hebreus 9,22)

Cristo, verdadeiro Deus e verdadeiro homem, derramou de uma vez por todas o seu Precioso Sangue, o sangue da nossa redenção. Ao contrário das ofertas regulares de touros e ovelhas, o sacrifício de Jesus mereceu a salvação do mundo no Monte do Calvário.

O Sacrifício da Missa

Onde, então, está o sangue em nossas vidas? Como entramos em contato com o sacrifício do Calvário? A Igreja Católica sempre entendeu que a celebração da Eucaristia torna presentes as graças da paixão de CristoLumen Gentium, um documento do Concílio Vaticano II, diz:

“Sempre que o sacrifício da cruz em que Cristo nossa Páscoa foi imolado é celebrado no altar, a obra da nossa redenção é continuada, no sacramento do pão eucarístico, a unidade de todos os crentes que formam um só corpo em Cristo é expressa e realizada.”

Mas a Missa não é uma repetição do Calvário. O sacrifício definitivo de Jesus não se repete ou é copiado como algum tipo de folheto impresso. Em vez disso, Na missa, as graças da cruz são, por assim dizer, trazidas para o aqui-e-agora. Na Santa Missa, o acontecimento histórico da efusão do Precioso Sangue de Jesus torna-se presente para nós .

União através do Precioso Sangue

Vamos, então, amar a Deus através da efusão do Precioso Sangue de Jesus. No primeiro século, o Papa Clemente exortou a Igreja, dizendo: “Fixemos o nosso olhar no Sangue de Cristo e percebamos quão verdadeiramente precioso é, visto que foi derramado para a nossa salvação e trouxe a graça da conversão para todo o mundo.” 

De fato, o Precioso Sangue de Jesus lava nossos pecados e, ao fazê-lo, torna possível que vivamos unidos a Deus e uns aos outros.

Como diz um provérbio medieval, o sangue é realmente mais espesso que a água. Pelo seu Precioso Sangue, Jesus nos aproxima, tornando-nos ainda mais próximos que parentes consanguíneos. 

Por seu sangue fomos redimidos e, como fiéis, compartilhamos este dom extraordinário de sua graça e misericórdia. Esse mesmo sangue continua a nos alimentar. No santo sacrifício da Missa, o vinho é transubstanciado no próprio Sangue de Cristo. 

Então, que este Precioso Sangue de Jesus nos alimente, sustente e preserve nossa união no Senhor.

Tags:
DevoçãoEucaristiaJesus
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Top 10
1
SANDRA SABATTINI
Francisco Vêneto
Primeira noiva em processo de canonização na história foi beatifi...
2
EUCHARIST
Reportagem local
O que fazer se a hóstia cair no chão durante a Missa?
3
Transplante de rins
Francisco Vêneto
Transplante de rim de porco em humanos: a Igreja tem alguma objeç...
4
Pe. Jonas Magno de Oliveira e sua mãe
Francisco Vêneto
Mãe de padre brasileiro se torna freira na mesma família religios...
5
Papa Francisco
Francisco Vêneto
Papa Francisco: “Tenho medo dos diabos educados”
6
As irmãs biológicas que se tornaram freiras no instituto Iesu Communio
Francisco Vêneto
As cinco irmãs biológicas que se tornaram freiras em apenas 2 ano...
7
Don José María Aicua Marín
Dolors Massot
Padre morre de ataque cardíaco enquanto celebrava funeral
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia