Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Domingo 19 Setembro |
Santos Mártires coreanos (AndréKim Taegon, Paulo Chong Hasang e 101 companheiros)
home iconEstilo de vida
line break icon

O que falar (e o que não falar) a um ente querido com câncer

Photographee.eu /Shutterstock

Anna Gębalska-Berekets - publicado em 23/07/21

O câncer é um desafio não só para quem está doente, mas também para quem está ao seu redor. Falar sobre a doença não é fácil, mas existem palavras e gestos que podem ser muito importantes nessa luta

Como podemos acompanhar um ente querido com câncer? Não existe frase milagrosa pronta que possa fornecer alívio ou consolo. 

Na verdade, pessoas ​​que fazem longos discursos sobre o sofrimento para quem está doente pode provocar o efeito contrário ao que se pretendia e, geralmente, não oferecem nenhum conforto.

Embora a primeira coisa a fazer seja permanecer humilde ao lidar com alguém que enfrenta notícias tão estonteantes quanto a de uma possível morte iminente, existem algumas palavras a evitar e palavras simples que podem ser úteis. Aqui estão algumas dicas.

1. O que NÃO dizer

  • “Eu sei como você se sente agora.”

A menos que você tenha (ou já teve) câncer, não tem ideia de como uma pessoa com câncer se sente. Se você iniciar uma conversa dessa forma, é muito provável que seu ente querido fique irritado ou mesmo magoado.

É melhor dizer a ele que você só pode imaginar como ele deve estar se sentindo. Essa é uma forma de reconhecer que a situação que ele está enfrentando é difícil, em vez de fingir o contrário.

  • “Tenho certeza que tudo ficará bem.”

Você não sabe se vai ficar tudo bem. Essa afirmação pode ser interpretada como uma tentativa de diminuir as emoções difíceis que as pessoas com câncer enfrentam todos os dias. Seu ente querido pensará que você está tentando banalizar a situação e os sentimentos dele.

  • “Eu conheço alguém que …”

A jornada de cada paciente é diferente, por isso é importante evitar comparações. Compartilhar exemplos de outras pessoas simplesmente não ajuda.

  • “Você deveria seguir meu conselho.”

Não dê conselhos a menos que você seja um oncologista ou a menos que o doente peça. Da mesma forma, é melhor evitar fazer perguntas pessoais que forcem seu ente querido a reviver a dor e as memórias difíceis de seu diagnóstico e tratamento. O paciente não quer voltar aos momentos mais difíceis de sua vida recente e, como resultado, ter ataques de pânico.

  • “Isso faz parte do plano de Deus para você.”

Esse tipo de declaração sugere que Deus escolheu punir uma pessoa com a doença. Nem todo mundo consegue para ver um significado místico para o sofrimento. Para algumas pessoas com uma perspectiva religiosa específica, essas palavras podem ser reconfortantes, mas para muitas outras, podem ser desmoralizantes e irritantes.

2. O que dizer para ajudar

O câncer causa isolamento. A melhor coisa que você pode fazer quando alguém que você ama está sofrendo é dizer-lhe com humildade e ternura que você está ao lado dele ou dela. Não se trata de tentar tranquilizá-los sobre o futuro, mas apenas fazer com que saibam que você está presente. Aqui estão algumas palavras que podem ajudar:

  • “Estou aqui por você.”

A pessoa doente se pergunta todos os dias como seus entes queridos enfrentarão sua doença. Saber que eles estão sempre lá, presentes, é um grande conforto.

  • “Eu amo Você.”

Quando nada mais vem à mente, essas três palavras podem fazer maravilhas! Principalmente porque, se você está acompanhando uma pessoa doente em um momento difícil, você realmente está falando sério!

  • “Se você precisar conversar, estou aqui. Estou ouvindo.”

A presença de alguém que queira ouvir o paciente é fundamental. Pessoas com câncer têm muitas emoções extremas que precisam ser tratadas.

Ao mesmo tempo, tente ajudar seu ente querido a não acreditar que sua vida é apenas fadada a ser um paciente com câncer. Na conversa, é importante focar em coisas que não têm nada a ver com a doença.

  • “O que eu posso fazer para você?”

Lidar com sintomas físicos e visitas frequentes ao médico pode ser muito difícil de suportar. Portanto, se você quiser ajudar seu ente querido, tente se oferecer para ajudar nas tarefas diárias. Seja específico e aja! Limpar a casa, fazer chá, buscar as crianças na escola … Sua ajuda pode ser um grande alívio para o doente!

  • “Você já ouviu falar sobre …”

Claro, câncer não é brincadeira. Mas é bom para uma pessoa doente ouvir algo simples, engraçado e alegre de vez em quando.

O câncer é um desafio não só para quem está doente, mas também para quem está ao seu redor. Falar sobre a doença não é fácil, mas existem palavras e gestos que podem ser muito importantes nessa luta.

Não se esqueça: quando alguém está sofrendo no corpo e na mente, gestos tão simples como um sorriso ou uma mão no ombro costumam ser essenciais. A pessoa a quem são oferecidos sente a profunda conexão que expressam.

Essa conexão os protege do abismo do medo, da ansiedade e do vazio. É uma espécie de apoio que ajuda o doente a lutar contra a doença ou a enfrentar com mais tranquilidade a morte que se aproxima.

Tags:
CâncerDoença

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
BEATRIZ
Reportagem local
Mistério do sumiço de uma mulher em Aparecida já dura 9 anos
2
Pe. Zezinho
Reportagem local
Pe. Zezinho faz alerta sobre orações de cura e libertação
3
Orfa Astorga
Os erros mais comuns das sogras
4
Berthe and Marcel
Lauriane Vofo Kana
O segredo do casal que tem a união mais longa da França
5
Papa Francisco
Francisco Vêneto
Papa reafirma: casamento sacramental é só entre homem e mulher
6
Exorcista padre Gabriele Amorth
Gelsomino Del Guercio
Os assombrosos diálogos entre o diabo e um exorcista do Vaticano
7
Aleteia Brasil
O dia em que os cães farejadores detectaram Alguém vivo no Sacrár...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia