Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quinta-feira 18 Abril |
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Fundo do Papa leva ajuda a vítimas da pandemia

POPE-FRANCIS-WORKING-075_valicchia-notitle181003_npHgd.jpg

Massimo Valicchia / NurPhoto / NurPhoto via AFP

I. Media - publicado em 04/08/21

Mais de 2.500 famílias receberam auxílio proveniente do fundo para enfrentar a crise gerada pela pandemia. São doações em dinheiro, possibilidades de trabalho, treinamento e apoio emocional

A pandemia deixou muitos “pais e mães sem ter o que colocar na mesa para seus filhos”, lamentou o Papa Francisco em junho de 2020, quando instituiu o “Fundo Jesus Divino Trabalhador”. Trata-se de uma medida emergencial para ajudar famílias duramente impactadas pela pandemia do novo coronavírus.

Pouco mais de um ano depois, cerca de 2.500 pessoas receberam a ajuda proveniente do fundo. A informação é da Caritas e da Diocese de Roma.

O fundo fazia parte do projeto “Aliança para Roma”, cuja administração é da Diocese e da Caritas Roma, em colaboração com a prefeitura e o governo local da região do Lácio.

O Papa Francisco iniciou o fundo com 1 milhão de euros (cerca de R$ 6,2 milhões). Em seguida, a Câmara Municipal de Roma e a da região do Lácio doaram 500 mil euros (cerca de R$ 3,1 milhões) cada. Pessoas físicas e jurídicas doaram mais 200 mil euros (aproximadamente R$ 1,2 milhão).

“As comunidades tomaram conhecimento do que estava acontecendo e, ao se encontrarem com indivíduos e famílias, ofereceram não apenas recursos financeiros ou possibilidades de trabalho, mas também companheirismo, relacionamento e acompanhamento”, disse Dom Benoni Ambarus, bispo auxiliar de Roma e diretor da Caritas diocesana.

A quem é destinado o fundo do Papa

As contribuições do fundo apoiam pessoas que ficaram economicamente vulneráveis ​​devido à pandemia. O dinheiro, por exemplo, vai para o pagamento de algumas despesas específicas e para a realização de cursos e projetos de empreendedorismo. O apoio emocional às famílias duramente impactadas pela pandemia também é uma das finalidades do fundo do Papa.

“Deus está tão perto de nós que mistura sua história com a nossa, que arrisca e compartilha sua vida com a de seu povo e de cada ser humano”, disse Dom Giampiero Palmieri, vice-diretor da Diocese de Roma. “E é por isso que só podemos conviver da mesma forma com os homens e mulheres que encontramos, principalmente os mais frágeis”, concluiu.

Tags:
PandemiaPapa Francisco
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia