Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quarta-feira 29 Junho |
Beato Raimundo Lúlio 
Aleteia logo
Estilo de vida
separateurCreated with Sketch.

Pe. Zezinho fala sobre filhos agressivos, dominadores e egoístas

Filhos agressivos

WAYHOME studio | Shutterstock

Reportagem local - publicado em 04/08/21

"Que o bom Deus amanse seu filho - mas encaminhe-o também a especialistas"

O pe. Zezinho falou, via rede social, sobre o desafio de lidar com filhos agressivos, dominadores e egoístas. Ele recordou que, nas famílias de fé, confiá-los a Deus é fundamental, mas, se Deus inspira talentos e vocações especializadas em ajudar os outros a trabalharem o próprio comportamento, então também é sábio recorrer com prudência e bom senso também a essas ajudas.

O padre escreveu:

“Nos meus estudos de pedagogia, sociologia e psicologia, aprendi que se deve encaminhar os filhos agressivos e dominadores para especialistas em comportamento humano. Alguma coisa faltou nesses indivíduos que cresceram agredindo pai ou mãe, irmãos, namorados ou namoradas, e qualquer pessoa que deles discorde.

Não dizem, mas culpam a vida e a sociedade, sobretudo a família, pelo que lhes faltou em determinado período do seu crescimento. Faltou o pai (ou a mãe) que gostariam de ter tido, e o pai ou a mãe que veio depois não supriu a sua carência. Então, levantam-se todos os dias determinados a cobrar da vida e de quem estiver próximo tudo o que o mundo lhes deve”.

Filhos agressivos, dominadores e egoístas

O sacerdote complementou:

“Mas eles mesmos não acham que devem algo ao mundo ou aos outros. São estranhamente e extremamente egoístas. Só respeitam quem lhes der alguma coisa. E não basta se alguém um dia lhes deu. Querem sempre mais. Não dão amor algum e dizem que não precisam do amor de ninguém. Mas são famintos por algum reconhecimento. Amor demais e amor de menos machuca qualquer um. Mas quem sabe amar o suficiente fica com o amor de menos, porque ao menos é amor.

Pai e mãe agredidos pelos filhos precisam da orações e milagres. E tais filhos precisam de conversão urgente. É quase certo que não acabarão bem. A Bíblia narra tais episódios de filhos que ameaçaram seus pais…”

Tags:
Educação dos FilhosFamíliaFilhosPsicologia
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia