Aleteia logoAleteia logoAleteia
Domingo 14 Abril |
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Padre é assassinado por homem que já incendiou catedral na França

AFP 2020 07 18

SEBASTIEN SALOM-GOMIS/AFP/East News

Reportagem local - Zelda Caldwell - publicado em 09/08/21

Desde o ano passado, o sacerdote hospedava o homem que confessou o crime

Um padre de 60 anos foi assassinado em Vendée, oeste da França, depois que um homem se entregou à polícia e confessou o crime. É o que informa a agência de notícias AFP .

O ministro do Interior, Gerald Darmanin, confirmou a notícia no Twitter na manhã desta segunda-feira, 9 de agosto. “Todo o meu apoio aos católicos de nosso país depois do dramático assassinato de um padre em Vendée. Estou indo para lá ”, escreveu.

O suspeito de cometer o assassinato do padre é Emmanuel Abayisenga, um refugiado ruandês que chegou à França em 2012. Ele entrou em uma delegacia de polícia na manhã desta segunda-feira alegando ter matado o padre de 60 anos. Mais tarde, a polícia encontrou o corpo do sacerdote no local.

Abayisenga também é acusado de incendiar a catedral de São Pedro e São Paulo, em Nantes, em 18 de julho de 2020. Ele havia trabalhado na catedral, e foi o responsável por trancá-la no final de o dia.

Acusado de “destruição e danos por fogo”, Abayisenga conseguiu a liberdade condicional e foi morar em Saint-Laurent-sur-Sèvre, onde o padre assassinado o hospedava em sua comunidade.

Tags:
PadresViolência
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia