Aleteia logoAleteia logoAleteia
Segunda-feira 22 Abril |
Aleteia logo
Religião
separateurCreated with Sketch.

Duas freiras assassinadas no Sudão do Sul: Papa “profundamente entristecido”

Sr. Mary Daniel Abbud & Regina Roba

Capture écran Facebook / Gore Yongo

Irmãs Mary Daniel Abbud e Regina Roba

I. Media - publicado em 18/08/21

Francisco denunciou "ato de violência sem sentido" e prestou condolências às famílias

O Papa Francisco se declarou “profundamente entristecido” ao saber das duas freiras assassinadas no Sudão do Sul neste domingo, 15 de agosto. Junto com outras vítimas civis, elas sofreram uma emboscada em uma rodovia que liga a capital, Juba, e a cidade de Nimule.

Segundo a rede BBC, as freiras retornavam a Juba depois de participarem das celebrações dos 100 anos de uma paróquia no leste do país. A rota em que elas foram mortas pelo bandidos armados é muito perigosa: com alta frequência, comboios comerciais são atacados e, lamentavelmente, é comum que os ataques terminem em mortes.

O cardeal dom Pietro Parolin, secretário de Estado do Vaticano, assinou em nome do Papa um telegrama ao arcebispo da Nunciatura Apostólica no Sudão do Sul, dom Mark Kadima:

“Sua Santidade o Papa Francisco recebeu com profunda tristeza a notícia do ataque brutal a um grupo de religiosas do Sagrado Coração de Jesus no domingo passado, que causou a morte da Irmã Mary Daniel Abbud e da Irmã Regina Roba”.

Na mensagem, Francisco destaca que é um “ato de violência sem sentido” e presta condolências às famílias das vítimas e à congregação religiosa.

Por outro lado, o telegrama faz votos de que o sacrifício das irmãs faça avançar “a causa da paz, da reconciliação e da segurança na região”.

A Arquidiocese de Juba declarou luto de cinco dias, medida que será seguida pelas universidades, seminários, colégios, jardins de infância e escolas católicas: todas essas instituições ficarão fechadas até a próxima segunda-feira, 23 de agosto.

O Sudão do Sul é um dos países mais jovens do mundo: declarou-se independente do Sudão em 2011, mas entrou em guerra civil em 2013. Com precária infraestrutura, é também uma das nações mais pobres da Terra. O Papa Francisco já manifestou o desejo de visitar o Sudão do Sul assim que possível, o que depende do cumprimento de promessas de paz feitas no Vaticano em 2019 por líderes políticos e religiosos do país.

O funeral das irmãs Mary Daniel e Regina será nesta sexta-feira, 20 de agosto, na Catedral de Santa Teresa, em Juba.

Tags:
freirasPapa FranciscoPerseguiçãoViolência
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia