Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Domingo 19 Setembro |
Santos Mártires coreanos (AndréKim Taegon, Paulo Chong Hasang e 101 companheiros)
home iconEstilo de vida
line break icon

A pergunta que quem quer ser feliz precisa fazer todos os dias

Shutterstock

Chris Lowney - publicado em 19/08/21

Você pode não saber a resposta imediatamente, mas esta pergunta é a chave para tomar decisões e encontrar significado na vida

Por que estou aqui? Essa é a pergunta que quem ser feliz precisa se fazer todos os dias

Não estou me perguntando: “Por que eu estou lendo este artigo agora?” Em vez disso, estou fazendo uma pergunta realmente profunda: “Por que estou aqui na terra?” Ou, para usar uma linguagem mais elaborada: “Qual é a minha missão?”

Não se preocupe: eu também não teria uma resposta clara para essa indagação. Eu engoliria a seco essa pergunta assustadora, mas reviraria os olhos cinicamente. 

Veja, toda grande empresa tem uma declaração de missão sofisticada, mas a maioria delas não segue o que fala. Eles se orgulham de tratar as pessoas com respeito, mas seus funcionários podem se sentir mais usados ​​do que respeitados. 

Entretanto, mesmo que você esteja cansado dessas declarações de missão corporativa, por favor, retenha seu cinismo por tempo suficiente para que eu (e Aristóteles e o Papa Francisco) defendamos um senso pessoal de missão. 

O que é missão?

Aristóteles colocou de forma simples: “Se, como os arqueiros, temos um alvo para mirar, é mais provável que acertemos no alvo.” Considere um exemplo bobo: imagine levar sua família para dentro do carro nas férias e sair da garagem sem ter decidido aonde quer ir. Absurdo, certo? Sem alvo, o sucesso é improvável.

Se o conselho de Aristóteles parece tão óbvio para questões mundanas (decidir para onde ir nas férias), por que o ignoramos em relação a questões mais profundas (decidir para onde ir na vida)?  Se pudermos articular uma missão e periodicamente avaliar como estamos seguindo-a, teremos uma chance muito maior de “acertar o alvo”, ou seja, viver uma vida da qual possamos nos orgulhar.    

Dito isso, é compreensível que a maioria de nós nunca consiga articular uma missão: é muito intimidante e confuso para considerar. Por um lado, assumimos papéis diferentes na vida. Podemos ser casados, ter filhos, ser religiosos e membros da comunidade e seguirmos uma carreira profissional. Sabemos que nossa missão não pode ser reduzida a qualquer uma dessas funções, mas como poderíamos encontrar uma missão que englobasse todas essas funções? 

A missão deve mudar?

Além do mais, posso ter um emprego agora, mas outro diferente em três anos. Posso estar solteiro agora, ser pai alguns anos depois e um aposentado de ninho vazio alguns anos mais tarde. A missão de minha vida deve continuar mudando toda vez que minhas circunstâncias mudam? 

Felizmente, o Papa Francisco nos fez o favor de oferecer uma solução clara e direta para o desafio de considerar a própria missão. Na exortação apostólica Gaudete et exsultate, ele disse o seguinte: “Assim como você não pode compreender Cristo fora do reino que ele veio trazer, também a sua missão pessoal é inseparável da construção desse reino … Sua identificação com Cristo e sua vontade envolve um compromisso de construir com ele aquele reino de amor, justiça e paz universal.”

A frase “reino de Deus” aparece  muito  nos evangelhos, mas seu significado tem sido vago para a maioria de nós. Sabemos que não significa um reino literal, com Jesus sentado em um trono, digamos, na sede das Nações Unidas. 

O Reino de Deus

Mas o que exatamente envolve o reino de Deus? Francisco traduz a frase em linguagem concreta e também articula nosso papel de acompanhamento. Nossa missão na terra é ajudar a construir uma sociedade, um reino, que se torne cada vez mais caracterizado pelo “amor, justiça e paz universal”. 

Agora, essa é uma missão para durar uma vida inteira e flexível o suficiente para se adequar a todas as funções que desempenhamos. Podemos ser justos e agir com justiça, por exemplo, na vida familiar, no escritório, em nossas comunidades ou mesmo ao fazer recados. Podemos mostrar caridade e amor aos outros, quer sejamos jovens ou idosos. Com efeito, cada encontro cotidiano é uma oportunidade para viver a missão. 

Lembra-se do lamento anterior sobre as empresas que não “fazem o que falam”? Isso pode acontecer conosco também. Se o primeiro passo crucial é articular uma missão de vida, o segundo passo é viver essa missão e fazer um balanço diário de como estamos indo.  

Balanço diário

Esse balanço pode ser tão simples quanto alguns momentos a cada noite para rever o dia e relembrar nossos compromissos, considerando, por exemplo, se espalhamos paz e amor por meio de nossas ações (ou deixamos de fazê-lo). Ao praticar esse hábito ao longo do tempo e fazer correções de curso à medida que avançamos, nos tornaremos cada vez aptos a atingir nosso objetivo ao longo da vida.

Por que você está aqui? Se você quer ser feliz, não deixe essa pergunta intimidar você. De agora em diante, você pode simplesmente dizer: Estou aqui para lutar ao lado de Jesus por um mundo que é amoroso, justo e pacífico. É por isso que estou aqui. E vou fazer isso todos os dias, na minha família, na minha comunidade e no meu local de trabalho.

Tags:
Felicidade

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
BEATRIZ
Reportagem local
Mistério do sumiço de uma mulher em Aparecida já dura 9 anos
2
Pe. Zezinho
Reportagem local
Pe. Zezinho faz alerta sobre orações de cura e libertação
3
Orfa Astorga
Os erros mais comuns das sogras
4
Berthe and Marcel
Lauriane Vofo Kana
O segredo do casal que tem a união mais longa da França
5
Papa Francisco
Francisco Vêneto
Papa reafirma: casamento sacramental é só entre homem e mulher
6
Aleteia Brasil
O dia em que os cães farejadores detectaram Alguém vivo no Sacrár...
7
Papa Francisco pede homilias mais curtas
Francisco Vêneto
Papa Francisco pede aos padres: façam homilias mais curtas
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia