Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sexta-feira 12 Abril |
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Padre Zezinho defende “caminho da moderação”: “pessoas ditatoriais não repartem ideias”

Padre Zezinho

CC

Reportagem local - publicado em 19/08/21

"Os grupos que escolhem voltar atrás ou avançar quebrando tudo para chegar ao poder estão errados", afirma ele

O padre Zezinho defendeu via rede social a postura que descreveu como “caminho da moderação”, em contraste com atitudes que descreveu como próprias de “pessoas ditatoriais” que “não repartem ideias”.

O sacerdote escreveu:

“Escolhi o caminho do diálogo e da moderação. E faz tempo! E certamente não fui elogiado por isto. Já ouvi de tudo. Sobretudo pelos que escolheram o caminho do confronto, da briga, de vencer custe o que custar, da esquerda ou direita radical, do centro aproveitador, do retrocesso tipo Taleban, da volta ao passado, do saudosismo, do avanço a qualquer preço, do ultra conservadorismo.

Para eles, desde que segui o Vaticano II e sua proposta de dialogar com o mundo e com as religiões e igrejas, eu estava em cima do muro. Ouviram mal a proposta de escolher um dos lados e não acreditam na pessoa que escolhe ou rejeita com conhecimento de causa.

O moderado às vezes apoia, às vezes condena, às vezes discorda, às vezes concorda. Depende do assunto ou da decisão que o outro toma. Mães e pais fazem isto ao educar os filhos! E fazem isto porque os amam. Sim sim ou não não!

Foi Jesus que, em Mt 7,1-6, disse que não devemos julgar porque também seremos julgados. Haverá consequências para o julgador. Então é melhor que vejamos as razões dos outros antes de tomar algum lado.

Mas, tendo analisado bem, temos o dever de tomar um lado. Pais e mães fazem isto! Mas isto, só depois de pesar as consequências de cada decisão.

Tomar um lado
1 – pela paixão do momento, da ideologia, do partido, do time, do grupo de igreja, dos amigos mesmo quando erraram;
2 – pela nossa vontade de que as coisas voltem a ser o que eram;
3 – porque vivíamos melhor quando tudo era mais simples…
é não perceber que o rio não é feito só de corredeiras, nem é sempre manso, e nunca volta atrás. Nossa vida também. Nossa fé também. Nossa visão política também.

Os talibãs e todos os grupos que escolhem voltar atrás ou avançar, quebrando tudo para chegar ao poder, ESTÃO ERRADOS”.

Padre Zezinho defende “caminho da moderação”

O sacerdote prossegue:

“O caminho mais estreito do qual Jesus falou é o do diálogo, do adversário que caminha junto para chegarem juntos, apesar das diferenças: isto se chama dialogar. E esta é uma virtude muito difícil de viver. Mas é uma das virtudes mais inteligentes numa pessoa.

Quem leu os evangelhos saberá que Jesus ensinou exatamente isto. ‘Caminha com ele outros mil passos; conversa com ele no caminho; se você tem duas túnicas, dê uma para quem não tem’…

E isto é cristianismo e não comunismo nem socialismo. Pessoas ditatoriais não repartem nem ideias nem valores. Preferem impor.

Então não entendem o caminho da moderação. Este é um caminho inteligente: SIM quando é hora do SIM e NÃO quando é a hora do NÃO. Jesus fez exatamente isto!”.

Tags:
DiálogoIdeologiaJesusVirtudes
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia