Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sexta-feira 17 Setembro |
São Roberto Belarmino
home iconEspiritualidade
line break icon

Como o sofrimento consegue nos tornar mais maduros

PASJA JEZUSA

kizaru43 | Shutterstock

Padre Reginaldo Manzotti - publicado em 14/09/21

Entenda por que a dor é pedagógica, ou seja, como o sofrimento nos proporciona grandes lições - inclusive de fé

No dia 14 de setembro, celebramos a Festa da Exaltação da Santa Cruz. Já no dia 15, Nossa Senhora das Dores. Pode parecer estranho para quem não tem fé exaltar um instrumento de tortura e sofrimento, mas quem já me acompanha por algum tempo sabe que não é a cruz em si, mas sim o ato redentor, o sangue derramado de Nosso Senhor Jesus Cristo, para nossa salvação.

E gostaria de aproveitar essas datas para refletirmos sobre o sofrimento. Ninguém gosta de sofrer, mas muitas vezes não temos escolha. Infelizmente, a dor, o sofrimento e as doenças fazem parte da condição humana. Deus não manda sofrimentos e tribulações, pois Ele é o Sumo bem, a plenitude do amor e um Pai Amoroso que nos quer felizes.

Mas, então, por que o sofrimento existe?

Esta pergunta, queridos filhos e filhas, faz parte dos mistérios de Deus. Creio que na eternidade teremos essas respostas, mas enquanto isso, nos cabe contemplar a Cruz de Cristo e ao contemplá-la, mergulhar neste entendimento da dor e do sofrimento. Ao olharmos para o sofrimento de Jesus na Cruz, somos chamados a contemplar também a nossa dor.

A dor é pedagógica, ela nos ensina. Todos querem seguir ao Senhor Glorioso, mas poucos são aqueles que querem seguir ao Senhor Crucificado. Diante de uma dor, nossa primeira reação é a de negar este sofrimento.

E, logo em seguida, o segundo passo é o do “por quê”. Os nossos “porquês” devem nos levar ao “para que”. É preciso descobrir, dentro deste mistério que é o sofrimento humano, a razão pela qual enfrentamos determinada dor. É preciso aceitar a dor, mas não de uma forma passiva. Jesus assumiu a nossa condição humana em tudo, exceto no pecado. E em Cristo conseguimos redimensionar esta experiência dolorosa do sofrimento na própria vida. O sofrimento nos amadurece.

Trabalhados por Deus

Diante do sofrimento, somos trabalhados por Deus em nos abrirmos ao próximo. Quantos casamentos não teriam terminado, quantos relacionamentos entre pais e filhos não estariam em crise se estivéssemos mais atentos às fragilidades dos outros. E isto se adquire como um fruto que vem da contemplação de Cristo na Cruz. A liberdade mal-usada provoca dor, sofrimento.

Existem muitas coisas em nossas vidas que ficarão sem respostas. Morreremos sem saber e entender os tais “porquês”! Por isso, o importante é o “para que” deste sofrimento. Jesus passou pelo Calvário e a gente se pergunta: “Para que Jesus morreu na Cruz?” Ele morreu para revelar esta verdade: o Pai nos ama!

Na Cruz, o inimigo é desmascarado. Jesus se entregou na Cruz por todos: os viciados, as prostitutas, os embriagados. Enfim, Jesus morreu por todos, e não apenas por alguns. A cruz liberta.

Tags:
CruzSofrimento

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Pe. Zezinho
Reportagem local
Pe. Zezinho faz alerta sobre orações de cura e libertação
2
Irmã Lúcia, de Fátima, e o Papa São João Paulo II
Francisco Vêneto
O terço “funciona”, garante a Irmã Lúcia, de Fátima: e ela explic...
3
Orfa Astorga
Os erros mais comuns das sogras
4
Papa Francisco pede homilias mais curtas
Francisco Vêneto
Papa Francisco pede aos padres: façam homilias mais curtas
5
porta
Reportagem local
Capelão de hospital: ação dos anjos é fundamental na hora da mort...
6
Ricardo Sanches
Menino de 4 anos brinca de missa, conhece vários santos e surpree...
7
ROSARY
Philip Kosloski
É verdade que meu Anjo da Guarda termina de rezar o Rosário se eu...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia