Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sábado 13 Abril |
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Políticos não devem discursar nas igrejas, reforça bispo

Discurso

Shutterstock

Francisco Vêneto - publicado em 21/09/21

"Não precisam dizer nada nas igrejas. Deus compreende as suas intenções genuínas"

Políticos não devem discursar nas igrejas, afirmou o bispo dom Joseph Obanyi, da diocese de Kakamega, no Quênia. Ele determinou que os padres da diocese não recorram aos políticos para solicitar recursos nem autorizem os políticos a fazer discursos dentro dos templos.

Mediante carta deste último dia 15 de setembro, dom Joseph recordou que “é enfaticamente desaconselhado” aos sacerdotes e líderes da Igreja solicitar fundos para a realização de projetos porque “isso compromete a sua credibilidade moral para denunciar os males sociais”.

Políticos não devem discursar nas igrejas

Levando em conta a proximidade da campanha eleitoral no país, o bispo acrescentou:

“Há políticos frequentando igrejas e funerais e depois lhes dão a oportunidade de discursar aos paroquianos e promover suas afiliações e ambições políticas. Isso está criando um péssimo precedente e dando uma péssima imagem da Igreja. A casa de Deus é um lugar onde ouvimos Jesus Cristo, fonte de toda verdade e caminho de salvação. Não há outra palavra que não seja a Palavra de Deus. Não há outra verdade senão Jesus Cristo. Só devemos a Ele toda a honra e glória”.

Reforçando que os políticos não têm autorização para fazer discursos em nenhum local dentro de igrejas e santuários, dom Joseph declarou que os políticos podem contribuir “através das vias regulares, pois também são membros da Igreja”, e incentivou padres e fiéis leigos a “abraçarem a independência”.

Ele ainda orientou não só os párocos, mas todos os religiosos e leigos “que possam ter qualquer responsabilidade na Igreja” a seguirem “todos os procedimentos regulares da paróquia” caso desejem fazer alguma doação à Igreja, visando a transparência.

O bispo reafirmou que os políticos “não devem ter preferência sobre os demais” e os exortou a “rezar em silêncio em favor dos seus projetos políticos”:

“Encorajamos todo político, aspirante ou líder político que assista à missa ou a qualquer liturgia em nossas igrejas a aproveitar essa oportunidade para rezar mais pelas suas intenções e concentrar sua mente em Deus, que é o líder por excelência. Não precisa dizer nada. Deus compreende as suas intenções genuínas”.

Tags:
BisposIdeologiaIgrejaLiturgiaPadresPolítica
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia