Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quinta-feira 25 Abril |
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

20 cardeais tiveram Covid-19

CARDINALS

Shutterstock | giulio napolitano

I. Media - publicado em 24/09/21

Número representa cerca de 15% dos prelados aptos a eleger um novo papa

Desde o início da pandemia, pelo menos 18 dos 122 cardeais aptos a eleger um papa testaram positivo para a Covid-19. Ou seja: quase 15% dos cardeais com menos de 80 anos, que são responsáveis ​​pela eleição de um novo pontífice em caso de conclave, enfrentaram a doença. Pelo menos dois cardeais com mais de 80 anos também contraíram o vírus.

Incluindo todo o Colégio de Cardeais – 219 prelados ao todo – a Covid-19 atingiu pelo menos 20 cardeais, isto é, 9% do colégio.

O cardeal brasileiro Eusébio Oscar Scheid morreu da doença. Ele tinha 88 anos e faleceu em 13 de janeiro de 2021. O cardeal Jorge Urosa, arcebispo emérito de Caracas, Venezuela, veio a falecer no dia 23 de setembro de 2021, aos 79 anos.

Entre os cardeais eleitores, Dom José Advincula, arcebispo de Manila, Filipinas, é o mais recente com diagnóstico de Covid-19. Ele testou positivo em 17 de setembro e sua condição não é motivo de preocupação. Ele já foi vacinado com a vacina chinesa Sinovac.

Dois outros cardeais contraíram o vírus em agosto passado. São eles: o cardeal americano Raymond Burke – de quem não se sabe se foi vacinado – e o cardeal Leopoldo Brenes, arcebispo de Manágua, na Nicarágua. Ambos foram hospitalizados e agora estão se recuperando em casa.

Confira no gráfico abaixo as idades dos cardeais que contraíram a Covid-19.

Age_Cardinals_BarGraphic.jpg

Antes da vacina

Com exceção dos casos mencionados acima, a maioria dos cardeais contraiu COVID-19 antes que as vacinas estivessem disponíveis ou as campanhas de vacinação tivessem início.

Os primeiros prelados a contrair o vírus foram os cardeais Philippe Ouedraogo, arcebispo de Ouagadougou, em Burkina Faso, e Angelo De Donatis, vigário geral de Roma. Ambos testaram positivo em 30 de março de 2020. O cardeal De Donatis passou 10 dias no Hospital Gemelli, em Roma.

Veja no gráfico abaixo o número de cardeais infectados mês a mês, desde março de 2020.

CovidPos_BarGraphic.jpg

Tags:
CardeaisCovidIgrejaPandemia
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia