Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quinta-feira 21 Outubro |
São Bertoldo de Parma 
Aleteia logo
home iconEspiritualidade
line break icon

Aprendendo a viver o Evangelho com a ajuda de São Francisco

SAINT FRANCIS OF ASSISI

Purplexsu | Shutterstock

Hozana - publicado em 01/10/21

Pela vida de São Francisco, podemos aprender a abandonar tudo nas mãos do Pai do Céu, viver para Ele e dedicar toda nossa vida à causa do Reino

Quem não conhece são Francisco de Assis? Cristãos ou não, a história deste rico jovem italiano que tudo abandonou para, em nome de Jesus, ser pobre com os pobres, continua tocando corações pelo mundo afora e suscitando em muitos o desejo de viver essa radicalidade do Evangelho. 

Nascido em 1182 no centro da Itália, Jean Bernardone queria se tornar um cavaleiro e levou uma vida um tanto quanto dissoluta. Quando soldado, foi feito prisioneiro e seu retorno a Assis foi marcado por uma grande conversão. Seu novo olhar sobre as mundanidades de seu meio mudou completamente seu jeito de ser. Um apelo do Céu “vai e reconstrói a minha Igreja”, o levou a consertar igrejas ao redor de Assis. Pouco a pouco, ele foi entendendo de qual reconstrução essa Voz falava. 

São Francisco e o leproso

Muitas são as histórias que podemos partilhar sobre nosso querido santo de Assis. Mas uma delas em particular merece nossa atenção: o seu encontro com um leproso. 

Tomás de Celano, um frei que escreveu a biografia de Francisco, conta que “certa vez indo a cavalo perto de Assis, veio-lhe ao encontro um leproso. Embora tivesse muito horror dos leprosos, fazendo-se violência, apeou e ofereceu-lhe uma moeda, beijando-lhe a mão. Após ter recebido dele o beijo da paz, montou a cavalo e prosseguiu seu caminho. Desde então começou cada vez mais a desprezar-se, até conseguir, pela graça de Deus, a mais perfeita vitória sobre si mesmo. Poucos dias depois, levando consigo muito dinheiro, dirigiu-se ao leprosário e, reunindo todos os leprosos, deu a cada um uma esmola, beijando-lhes a mão”.

O que podemos aprender com essa passagem? 

Primeiro que entre Francisco e o leproso havia muita diferença e uma grande distância física e social. Francisco desceu do cavalo para se colocar ao seu nível, para estar em pé de igualdade com aquele pobre coitado. Este foi um passo importante: ele deixou de lado suas seguranças e seu status social. 

Vida nova

Segundo, beijando o leproso, Francisco vence a luta contra o “homem velho”. Através desse gesto de fraternidade seu medo desapareceu! É como se fosse preciso que ele tocasse esse homem “impuro” para ser limpo de seus medos e traumas. Depois de tocar o leproso, Francisco se levanta para começar uma nova vida. Com seu beijo, a distância entre os dois homens desaparece para dar lugar à comunhão.

Um terceiro aprendizado, é que este encontro opera em Francisco uma grande transformação em seu ser. Em seu testamento, ele afirma que o Senhor o enviou aos leprosos e desde então “tudo o que era amargo se transformou em doçura”. Francisco se torna cada vez mais misericordioso com os pobres de seu tempo. Esta atitude mostra seu caminho de maturidade, onde percebemos uma grande coerência entre sua transformação interior e seu comportamento exterior com os outros. Beijar um leproso é uma manifestação visível de sua purificação interior.

A coragem

Como quarta e última lição, gostaria de destacar a coragem de Francisco. Ele entendeu que sua vida não poderia se limitar a dizer: “seria necessário”, “seria bom”, “seria importante”… Percebeu que não tinha tempo a perder com questionamentos vazios que o impediriam de agir concretamente. No seu processo de conversão Francisco não espera! Aquele que era seu inimigo, o leproso, tornou-se seu próximo. Este homem deixou de ser apenas mais um enfermo contagioso; a partir de então ele passou a ter uma identidade, um nome, uma família, uma história, sonhos… Beijando-o, Francisco, aprendeu a conhecê-lo e a amá-lo. 

Aprendemos, pela vida de São Francisco, a como viver o Evangelho nos tempos de hoje, a abandonar tudo nas mãos do Pai do Céu, vivermos para Ele e dedicarmos toda nossa vida à causa do Reino.

Então, convido você a crescer em intimidade com São Francisco através do itinerário de oração proposto pela rede social de oração Hozana e a Comunidade Doce Mãe de Deus.

Obrigado Francisco por este e tantos ensinamentos dados através de seus atos. 

Nosso querido amigo de Assis morreu no dia 3 de outubro de 1226. 

Sua radicalidade evangélica continua sendo uma fonte de inspiração e de renovação para a Igreja.  Também a nós, de certo modo, o Senhor continua dizendo: “vai e reconstrói a minha Igreja”.

São Francisco de Assis, rogai por nós.

Padre André Favoretti, pelo Hozana

Tags:
evangelhoOraçãoSantos
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
VENEZUELA
Ramón Antonio Pérez
Quando a vida surge do abuso atroz a uma jovem deficiente
2
Pe. Zezinho
Reportagem local
Pe. Zezinho faz alerta sobre orações de cura e libertação
3
COMMUNION
Philip Kosloski
Oração ao seu anjo da guarda antes de receber a comunhão
4
Carlo Acutis
Gelsomino Del Guercio
“Ele fechou os olhos sorrindo”: foi assim que Carlo Acutis morreu
5
Reportagem local
A bela lição que este menino deu a todos ao se aproximar do Papa
6
São José
Francisco Vêneto
Padre irmão de piloto de avião partido em dois: “São José tem mui...
7
Aleteia Brasil
O segredo da cidade bósnia onde jamais houve um divórcio
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia