Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sábado 16 Outubro |
Santa Margarida Maria Alacoque
Aleteia logo
home iconEstilo de vida
line break icon

A música pop que se aproxima do catolicismo quando fala de amor

COUPLE

Prostock-studio | Shutterstock

Tom Hoopes - publicado em 04/10/21

Quer ver os 3 fundamentos do casamento? Verifique o CCC, e essas músicas de sucesso...

Quando uma mulher e um homem se apaixonam, eles sabem exatamente o que esperam — e tanto a Igreja Católica quanto a música pop concordam em que eles podem alcançar seu sonho.

Pode parecer antiquado quando o Catecismo diz que “a unidade, a indissolubilidade e a abertura à fecundidade são essenciais ao Matrimônio” (CIC 1664).

Mas faz sucesso quando Ed Sheeran canta “Eu não vou desistir desta vez”, na música “Perfect” — porque “Eu encontrei um amor, para carregar mais do que apenas meus segredos / Para carregar amor, para carregar nossos filhos”.

O fato é que o ensinamento da Igreja de que o casamento tem que ser exclusivo, vitalício e aberto à vida não é antiquado, rigoroso ou anti-humano. É a expressão natural do coração humano. E muitas músicas antigas e novas expressam exatamente isso. Aqui estão alguns exemplos.

Vamos primeiro de “indissolubilidade”

“A união matrimonial do homem e da mulher é indissolúvel: foi o próprio Deus que a estabeleceu: «Não separe, pois, o homem o que Deus uniu» (Mt 19, 6)”, diz o Catecismo (1614)

A música country sempre reconheceu isso. Lembro-me de quando o grupo country Shenandoah fez enorme sucesso com a música “I Want to Be Loved Like That”. Diz a letra: “Eu quero ser amado assim / Uma promessa que não pode ser desfeita.” Isso é o casamento católico.

No recente sucesso “Things a Man Oughta Know”, Lainey Wilson afirma: “Como saber quando é amor / Como ficar quando é difícil… / Se você realmente ama uma mulher, não a deixa ir / Bem, eu sei algumas coisas que um homem deveria saber.”

Taylor Swift viu isso no hit inicial de sua carreira “Love Story”, onde ela imagina seu Romeu dizendo: “Case comigo, Julieta, você nunca precisa ficar sozinha”. Em seu recente hit “Lover”, diz “Leve-me para sair e leve-me para casa / Para todo o sempre”.

Indissolubilidade é um compromisso diário, como diz o ensinamento católico, e também o sucesso do grupo Train, “Casa comigo / Hoje e todos os dias”.

Em segundo lugar, o casamento deve ser “único”

Quem ama sabe que quer ser “único(a)”, para citar Adele. Isso significa que você tem que amar — e expressar seu amor — apenas ao seu cônjuge, e ninguém mais.

John Legend diz: “Todos em mim / Amam todas em você… Você é o meu fim e o meu começo / Mesmo quando eu perco, estou ganhando / Porque eu te dou tudo de mim / E você me dá tudo de si.”

É também o que Taylor Swift canta em sua música “Fifteen”: “Abigail deu tudo de si para um garoto que mudou de ideia / E nós duas choramos / Porque quando você tem quinze anos / E alguém diz que te ama / Você acredita”

Terceiro: a abertura aos filhos

A Igreja ensina que o aspecto unitivo é apenas uma parte essencial do ato sexual. Igualmente importante é o “procriativo”.

“A Igreja, que «toma partido pela vida», ensina que «todo o acto matrimonial deve, por si estar aberto à transmissão da vida»”, diz o CIC (2366).

Na música “Say You Won’t Let Go”, James Arthur se recusa a tirar proveito de uma mulher bêbada que ele ajuda. E, em vez disso, ele imagina como seria o amor real em seu futuro, incluindo: “Vou levar as crianças para a escola / Dizer-lhes até logo”.

Em Starlight, Taylor Swift canta sobre querer “Ter 10 filhos e ensiná-los a sonhar”, e “When It’s Love”, do grupo Train, inclui a frase “Podemos rir, podemos cantar / Ter dez filhos e dar tudo a eles”.

Portanto, não acredite que a Igreja está fora de moda em seu ensinamento sobre o amor conjugal. É tão atual quanto às necessidades mais profundas do coração humano, como lembra Beyoncé: “Se você gostava, então devia ter colocado uma aliança”.

Tags:
AmorCasamentoCulturaMúsica
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Milagre do Sol em Fátima
Reportagem local
13 de outubro: o dia em que o mundo presenciou o Milagre do Sol e...
2
MARRIAGE
Matrimonio cristiano
Beijar a aliança todos os dias: uma indulgência especial aos casa...
3
Restauração da imagem de Aparecida por Maria Helena Chartuni
A12
Arrebentada em 200 pedaços: a impactante experiência da restaurad...
4
Reportagem local
O grande crucifixo submerso que só pode ser visto quando o lago c...
5
Claudio de Castro
Uma alma do Purgatório te agradecerá por isto
6
PRIEST-EUCHARIST-ELEVATION-HOST
Philip Kosloski
O que devemos rezar quando o padre eleva a hóstia e o cálice?
7
MULHER REZANDO
O São Paulo
Rezar deitado: é certo ou errado?
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia