Aleteia logoAleteia logoAleteia
Segunda-feira 24 Janeiro |
São Feliciano de Foligno
Aleteia logo
Espiritualidade
separateurCreated with Sketch.

Nossa Senhora do Rocio, a padroeira do Paraná

Nossa Senhora do Rocio

@santuariodorocio | Instagram

Francisco Vêneto - publicado em 15/11/21

Curiosamente, a devoção paranaense não guarda relação com a história da devoção homônima espanhola

A padroeira do Paraná é Nossa Senhora do Rocio, também denominada Nossa Senhora do Rosário do Rocio.

No mundo hispânico, a veneração a Nossa Senhora do Rocio remonta à Espanha do século XV, quando uma imagem da Santíssima Virgem foi achada dentro do tronco oco de uma antiga árvore. A capela erguida no local acabou se transformando no importante santuário mariano do Rocio, que, atualmente, atrai para o povoado de Almonte, na Andaluzia, uma das mais populares romarias marianas da Europa, na segunda-feira seguinte ao domingo de Pentecostes.

Curiosamente, porém, a devoção a Nossa Senhora do Rocio como padroeira do estado brasileiro do Paraná não guarda relação direta com a história da devoção homônima espanhola.

Um paralelo maior poderia ser traçado com a história da imagem de Nossa Senhora Aparecida, já que os inícios dessa devoção paranaense também estão ligados a uma pescaria.

Nossa Senhora do Rocio em Paranaguá

Em 1648, quando a atual cidade de Paranaguá foi elevada à categoria de vila, o pescador conhecido como Pai Berê recuperou com sua rede uma imagem de Nossa Senhora do Rosário e a levou para casa. Aos poucos, a então pequena população começou a rezar por intercessão de Maria, invocada sob a denominação de Nossa Senhora do Rocio por um motivo bastante prosaico: Rocio era o nome da localidade onde o Pai Berê morava.

Cabe recordar que a palavra “rocio”, tanto em português quanto em espanhol, significa orvalho – em português é bem menos utilizada atualmente, enquanto em espanhol continua sendo a palavra padrão para se referir a esse fenômeno natural. O orvalho, ou rocio, passou a ser usado como figura de linguagem para representar as graças derramadas por Deus mediante a intercessão da Santíssima Virgem.

As epidemias eram ocasiões particulares em que a devoção a Nossa Senhora do Rocio se consolidava ainda mais. Foi o caso, por exemplo, de 1686, quando os moradores da vila de Paranaguá recorreram a ela pedindo a graça de se livrar da peste. Vários relatos de curas individuais e comunitárias passaram a ser registrados também no tocante a surtos como o de peste bubônica, em 1901, e da gripe espanhola, em 1918.

Padroeira do Paraná

O Santuário de Nossa Senhora do Rocio, em Paranaguá, foi edificado em 1920 a partir da primeira igreja construída em 1813. Os bispos do Paraná a declararam padroeira do Estado em 1939 e o Papa São Paulo VI lhe concedeu o patronato do Paraná em 1977.

Todos os anos, o santuário recebe os fiéis com especial afluência na primeira quinzena de novembro, dado que a celebração da festa da padroeira recai em 15 de novembro. Cerca de 300 mil fiéis chegavam a acorrer ao santuário nesta época antes da pandemia de covid-19. Devido às restrições impostas como medida sanitária no atual período, porém, a afluência em 2020 e 2021 foi limitada a poucas centenas de pessoas.

Santos padroeiros dos Estados brasileiros

A propósito do que significa um santo padroeiro dentro da fé católica e de qual é a decisiva diferença entre o culto de veneração e o culto de adoração, confira o seguinte artigo sobre os padroeiros dos Estados do Brasil:

Veja também:

Tags:
DevoçãoNossa SenhoraSantuários
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia