Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quinta-feira 25 Abril |
Aleteia logo
Religião
separateurCreated with Sketch.

Aguardado documento sobre a Eucaristia: bispos dos EUA aprovam por 222 votos a 8

JESUS EUCARISTIA

Renata Sedmakova | Shutterstock

Francisco Vêneto - publicado em 18/11/21

Durante preparação houve grande debate sobre negativa da Comunhão a defensores públicos do aborto, como Joe Biden

O documento “O Mistério da Eucaristia na vida da Igreja” foi aprovado pela Conferência dos Bispos Católicos dos Estados Unidos (USCCB, pela sigla em inglês) nesta quarta-feira, 17 de novembro, durante assembleia. Os votos eletrônicos secretos somaram 222 a favor, 8 contra e 3 abstenções. Na assembleia anterior dos bispos, realizada em junho, eram 168 votos a favor e 55 contrários ao conteúdo, então em processo de elaboração. Para aprovação final, requeriam-se dois terços do total de votos.

O propósito deste documento é enfatizar a importância de se ensinar a Presença Real de Jesus Cristo na Eucaristia e, por conseguinte, o papel central da Comunhão Eucarística na evangelização. Por isso mesmo, reforça-se a necessidade do estado de graça para se receber dignamente o Corpo de Cristo, o que não é possível no caso dos católicos que insistem em adotar e defender posturas condenadas explicitamente pela doutrina cristã como pecado grave. Este é o caso, notoriamente, do aborto provocado, por se tratar de assassinato.

Nesse contexto, houve grande debate no país, com repercussões até na mídia laica, a respeito das diretrizes para se negar a Comunhão aos católicos publicamente em pecado por defenderem e promoverem o aborto. É o caso do presidente do país, Joe Biden, motivo pelo qual a discussão ganhou dimensões extraordinárias.

O documento sobre a Eucaristia

O texto final aprovado pelos bispos não trata explicitamente da negativa da Comunhão, porque o assunto já é definido no direito canônico como prerrogativa dos sacerdotes. Ainda assim, o documento do episcopado norte-americano reforça os requisitos para se comungar dignamente.

O texto se estrutura em duas seções: na primeira, intitulada “O dom”, apresenta-se a Eucaristia como, precisamente, um dom de Cristo; na segunda, “Nossa resposta”, aborda-se a gratidão pelo dom da Eucaristia, a sua importância na conversão pessoal e a responsabilidade dos leigos no tocante a recebê-la com dignidade.

Tags:
BisposComunhãoEucaristiaPolítica
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia