Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quinta-feira 27 Janeiro |
Beato Jorge Matulaitis 
Aleteia logo
Histórias Inspiradoras
separateurCreated with Sketch.

Super Chico derrota a Covid-19 pela segunda vez

Super-Chico-.png

Instagram / Dani Guedes Bombini

Ricardo Sanches - publicado em 13/12/21

"Desta vez foi pior", diz mãe do garotinho com Down que emocionou o Brasil e deu mais uma lição de força e esperança

O herói mirim Super Chico voltou a agir contra o inimigo invisível e mundial. O garoto ,que tem síndrome de Down e várias comorbidades, pegou Covid-19 pela segunda vez e superou a doença.

Tudo começou em novembro de 2021 com os sintomas que todos já conhecemos: tosse e dificuldade de respirar, além de um quadro de infecção urinária. O garotinho de cinco anos teve de ser internado. A intubação foi inevitável, já que o estado de saúde dele só piorava.

“Desta vez foi pior, porque da outra vez [em julho de 2020, quando Chico pegou Covid pela primeira vez] ele tinha melhora progressiva. Todo dia era uma notícia boa. Dessa vez não foi desse jeito”, disse Dani Guedes Bombini, mãe de Chico, ao Fantástico.

De acordo com os médicos, a Covid-19 é quatro vez mais letal em portadores da síndrome de Down. O caso de Chico era ainda mais grave, pois ele também tem insuficiência renal crônica, cardiopatia congênita e é dependente de oxigênio.

Mas Chico é mesmo um guerreiro. Ele começou a apresentar melhoras e, depois de 15 dias na ventilação mecânica, os médicos o extubaram. A enfermeira que o acompanhou na UTI revelou ao Fantástico detalhes emocionantes daquele momento. “Quando ele estava voltando da sedação, a mãe dele falava: ‘Volta, Chico, pega a mochila e vamos embora’. Ele dava risada, tentava acordar… É um momento que não dá pra esquecer”.

O pequeno deixou o hospital vestindo uma capa de super herói e sob muitos aplausos dos profissionais de saúde. No Instagram, a mãe dele deu a boa notícia da alta e agradeceu as orações pelo brasileirinho que encantou a todos com seu exemplo de força e esperança. “Mais uma vez, nosso super herói venceu a COVID-19!!!!!!!!! Lutou muuuitoooo! 💪🏻🙏🏻 Aos poucos vou contando! Já estamos em casa e está tudo bem! Ele está feliz demais e nós nem se fale… Obrigada a todos pelas orações e amor infinito, Chico realmente é muito amado!
Gratidão sempre! Chico é inspiração, é esperança, é força, o mais genuíno amor!
Na verdade, todos os lindos sentimentos juntos!

View this post on Instagram

A post shared by Dani Guedes Bombini SUPERCHICO (@daniguedesbombini_superchico)

Mais sobre a história do Super Chico

Super Chico nasceu prematuro, e passou seis meses na UTI neonatal. Foi lá que ele ganhou o apelido de herói. Depois, enfrentou sete cirurgias para tratar de problemas renais, cardíacos e de hipotireoidismo. Foram mais de 10 internações e várias transfusões de sangue. Em 2020, pegou Covid pela primeira vez, passou quatro meses na enfermaria e 13 na UTI de um hospital em Bauru, no interior de São Paulo, onde ele mora.

Seu exemplo de força inspirou muitos pais. Por isso, o pequeno guerreiro virou fenômeno na internet. Hoje, o perfil administrado pela mãe dele tem quase 240 mil seguidores no Instagram.

No ano passado, a Aleteia publicou um testemunho da mãe do garoto. Ela fala sobre o impacto positivo que o filho exerce nas pessoas. Clique aqui para ler.

Tags:
CoronavírusCovidcovid-19Síndrome de downSuperação
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia