Aleteia logoAleteia logoAleteia
Domingo 03 Julho |
São Raimundo Gayrard
Aleteia logo
Espiritualidade
separateurCreated with Sketch.

Pe. Zezinho: nasce um menino pobre que inaugura um novo tipo de reino

Menino Jesus nasce pobre em Belém

Amanda Carden | Shutterstock

Reportagem local - publicado em 24/12/21

"Um reino no qual ser pessoa é mais do que ter poder sobre os outros"

Nasce um menino pobre que inaugura um novo tipo de reino, resumiu o pe. Zezinho sobre a vinda de Jesus a este mundo. Ele escreveu em sua rede social:

“Há 20 séculos, um menino pobre de família pobre, que viveu pobre e morreu seminu e pobre, porque até sua túnica foi sorteada pelos guardas que o crucificaram, inaugurou um novo tipo de reino no qual ser pessoa é mais do que ter poder sobre os outros.

Todos os anos festejamos o seu nascimento acontecido numa gruta, porque não havia lugar nos hotéis daquele tempo! Ninguém é obrigado a aderir a este reino que ele fundou. Mas quem aderiu aprendeu a cuidar dos sofredores, a partilhar seu pão e a ajudar quem precisa porque aprendeu a amar como Ele ensinou. Ou ao menos tentou…

Jesus veio ser nosso irmão e ensinar-nos que Deus é Pai e que todos os humanos são nossos irmãos, até mesmo quem não nos ama. O Reino de Jesus chama-se fraternidade! E seu verbo mais urgente é partilhar. Quem aprendeu a conjugar o verbo amar pode proclamar-se cidadão deste reino que veio do céu, age na terra e leva o sujeito direto para o céu, porque Jesus voltou para lá! Aqui Ele se manifesta quando dois ou três, ou multidões, entram em comunhão com Ele”.

Nasce um menino pobre

Pouco antes, o sacerdote também havia citado os relatos evangélicos de como nasceu o menino pobre na gruta de Belém:

“Ela deu à luz o seu filho primogênito, envolveu-o em faixas e deitou-o numa manjedoura, porque não havia lugar para eles na hospedaria. Havia naquela região pastores que passavam a noite nos campos, tomando conta do rebanho. Um anjo do Senhor lhes apareceu, e a glória do Senhor os envolveu de luz. Os pastores ficaram com muito medo.

O anjo então lhes disse: ‘Não tenhais medo! Eu vos anuncio uma grande alegria. Na cidade de Belém nasceu um menino…’. E os pastores correram para o lugar indicado, dizendo: ‘Vamos a Belém para ver a realização desta palavra que o Senhor nos deu a conhecer’. Foram, pois, às pressas a Belém e encontraram Maria e José, e o recém-nascido deitado na manjedoura. Quando o viram, contaram as palavras que lhes tinham sido ditas a respeito do menino. Todos os que ouviram os pastores ficavam admirados com aquilo que contavam. Maria, porém, guardava todas estas coisas, meditando-as no seu coração”.

Tags:
NatalPobreza
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia