Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quarta-feira 28 Setembro |
São Vicente de Paulo 
Aleteia logo
Espiritualidade
separateurCreated with Sketch.

Jesus, o mestre da oração

Jesus – Child – Praying – fr

Public domain

http://pixabay.com/en/the-first-communion-holidays-139665/

Padre Reginaldo Manzotti - publicado em 01/02/22

Os discípulos pediram a Jesus para ensiná-los a rezar porque eles já tinham observado os resultados da oração na vida do Mestre

Já passaram as festas e as férias estão quase no fim. Muitos já voltaram ao trabalho e à rotina, o que não é ruim, pelo contrário, isto pode ser de muito crescimento. E isso também se mostra na liturgia que a Igreja, como mestra, propõe. Já estamos na quarta semana do Tempo Comum. 

Gostaria de explicar um pouco mais sobre este assunto. O tempo comum não é chamado assim por não ter importância, mas por se referir ao cotidiano de Jesus Cristo, dos seus ensinamentos aos Apóstolos, da sua proximidade com o povo, da sua vida de oração e também da proximidade de Jesus com o Pai.

No cotidiano, por um pedido dos discípulos, Jesus ensina a rezar. É a única oração que o Senhor ensinou:

 “Um dia, Jesus estava rezando num certo lugar. Quando terminou, um de seus discípulos pediu-lhe: ‘Senhor, ensina-nos a rezar, como também João ensinou a seus discípulos’. Jesus respondeu: ‘Quando rezardes, dizei: Pai, santificado seja o teu nome. Venha o teu Reino. Dá-nos a cada dia o pão de que precisamos, e perdoa-nos os nossos pecados, pois nós também perdoamos a todos os nossos devedores; e não nos deixes cair em tentação” (Lc 11,1-4).

Jesus, o mestre da oração

É lindo pensar: Jesus, o Mestre da oração! Exemplo de oração, Jesus escolheu os doze para caminhar com Ele, dito que, mais pessoas, muitos discípulos simpatizantes, admiradores e algumas vezes, creio que com certa frequência, eles perceberam uma escapulida de Jesus. Eles percebiam a ausência do Mestre para rezar, tanto que o evangelista diz que viram Jesus em oração!

Jesus tinha palavras sábias para se esquivar das armadilhas. Jesus tinha uma sabedoria que vinha do alto para poder se posicionar, porque saber se posicionar também é sabedoria de Deus! Jesus tinha uma estrutura interior capaz de não perder a paz. Mesmo quando acuado, agoniado, essa estrutura interior permanecia inabalável.

Jesus era homem. Verdadeiramente homem, verdadeiramente Deus. Mas como homem tinha todos os anseios, emoções, sentimentos de amor e de raiva. Se Jesus era em tudo humano menos no pecado, Ele tinha sentimentos e tinha estrutura interior. De onde vinha tudo isso? Certamente os apóstolos viam um ato de recolhimento do Mestre e chegaram para Ele e pediram: “Senhor, conta-nos o Teu segredo. Conta-nos como se mantém sereno? Ensina-nos a rezar”.

O resultado da oração

Se eles pediram isso, significa que viram o resultado da oração. Que eles reconheciam que aquela integração interior e serenidade, que aquele posicionamento coerente, que aquela forma impoluta de Jesus se posicionar provinha de algo mais, e eles queriam ser tal qual Jesus.

Então pedem: “Ensina-nos a rezar”. E Jesus ensina “Quando forem rezar comecem dizendo, Pai…”

Primeiro essa relação filial com Deus. Pai. Quando Ele diz ‘Pai’, desmonta toda forma equivocada de um relacionamento, desmonta uma relação distante, uma relação serviçal com Deus, uma relação de desiguais. Jesus nos coloca como filhos e filhas que podem recorrer ao Pai.

Que possamos aprender com Jesus e vivermos uma relação filial com Deus.

Tags:
ConfiançaEspiritualidadeJesusOração
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia