Aleteia logoAleteia logoAleteia
Domingo 14 Abril |
Aleteia logo
Histórias Inspiradoras
separateurCreated with Sketch.

Um pai de luto pela perda do filho expressa ao Papa sua revolta com Deus

Marco Simoncelli

ADRIAN DENNIS / AFP

Gelsomino Del Guercio - publicado em 14/02/22

Após morte do filho, homem diz ao Papa que está com raiva de Deus

Em 20 de janeiro de 2022, Marco Simoncelli, conhecido como “Sic”, teria completado 35 anos. O campeão italiano de motociclismo, que morreu prematuramente em um acidente durante uma corrida na Malásia em 2011, veio de uma família católica.

Em uma entrevista recente à Sky Sport, o pai de Marco, Paolo Simoncelli, contou sobre um encontro que teve com o Papa Francisco no Vaticano, aparentemente referindo-se a uma visita em setembro de 2018. O encontro franco mudou a maneira como ele via o Papa e terminou com um abraço.

Nestas fotos, Paolo pode ser visto durante o público no final de uma fileira de representantes do MotoGP.

“Estou com muita raiva”

Como ele diz, a breve conversa começou com palavras sinceras, mas dolorosas. Simoncelli conta: “’Estou com raiva de Deus. Estou com muita raiva’, ele disse ao Papa. Quando fomos fazer a visita a Roma com a Federação Italiana, peguei nas mãos o crucifixo que Bergoglio tinha em volta do pescoço e disse: ‘Estou realmente chateado com Ele’.”

Paolo Simoncelli, pai de Marco Simoncelli

“Eu não esperava que o Papa fosse assim”

O pai de Marco Simoncelli não esperava que “o Papa fosse assim, realmente uma boa pessoa. Ficamos sozinhos com ele por alguns minutos e eu o abracei. Eu garanto que, enquanto isso, todos os outros ali estavam arrancando os cabelos. Mas eu não me importei.”

O Papa retribuiu o abraço de Paolo. Isso significou muito para Paolo, porque seu filho também adorava se abraçar. “Antes de sair, [o Papa Francisco] me chamou e me deu outro abraço. Foi muito bom. Marco era um menino gostava de me abraçar, e isso ficou sempre comigo.”

Oração para os que estão à espera de um grande amor
Marco Simoncelli

Falando sobre seu filho, Simoncelli, disse: “Quando Marco abraçava alguém, ele nos transmitia uma sensação de força. Você sentia que poderia confiar nele. Era uma coisa linda.”

Tags:
FilhosMorteSofrimento
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia