Aleteia logoAleteia logoAleteia
Terça-feira 04 Outubro |
São Francisco de Assis
Aleteia logo
Histórias Inspiradoras
separateurCreated with Sketch.

Polônia e Ucrânia: mais de mil conventos estão ajudando refugiados

RUSSIA-UKRAINE-WAR

All rights reserved

Francisco Vêneto - publicado em 16/03/22

As freiras têm ajudado pessoalmente até a retirar pessoas de locais atingidos por ataques russos

Somando os totais da Polônia e da Ucrânia, há mais de mil conventos católicos que, neste momento, estão ajudando os refugiados de guerra afetados pela invasão russa.

De acordo com informações divulgadas em 15 de março pelo Conselho de Superiores Maiores de Congregações de Religiosas da Polônia, freiras estão prestando “apoio espiritual, psicológico, médico e material” em 924 conventos na Polônia e em 98 na Ucrânia, engajando cerca de 150 congregações religiosas que já ajudaram em torno de 18 mil pessoas.

Ainda segundo o Conselho, 498 conventos na Polônia e 76 na Ucrânia improvisaram abrigos que receberam 3.060 crianças, 2.420 famílias e aproximadamente 2.950 adultos. Em 64 instituições há 600 vagas disponíveis para órfãos e em outras 420 há quase 3.000 vagas para mães acompanhadas de seus filhos menores. Também há disponibilidade para acolher idosos e portadores de deficiências.

Entre 24 de fevereiro, data da invasão russa à Ucrânia, até 14 de março, véspera da divulgação do relatório, cerca de 1,8 milhão de pessoas já tinham fugido da Ucrânia somente para a Polônia, somando-se aos cerca de 2 milhões de trabalhadores ucranianos que já viviam na Polônia desde antes da guerra. Os dados são do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR).

O Conselho das Superioras Maiores das Congregações Religiosas acrescenta que as freiras têm trabalhado, entre outras tarefas, no preparo e distribuição de refeições, assim como na coleta e doação de artigos de higiene pessoal, roupas e cobertores para os refugiados.

Como se não bastasse, as freiras presentes na Ucrânia também têm ajudado pessoalmente a retirar pessoas de locais atingidos por ataques russos. Elas ainda procuram postos de trabalho para os refugiados na Polônia, além de criarem vagas nos próprios conventos e ajudarem como tradutoras. As irmãs também estão providenciando vagas para crianças ucranianas em escolas polonesas.

As comunidades religiosas na terra de São João Paulo II têm arrecadado alimentos e itens de higiene não só para distribuição aos refugiados que chegaram ao país, mas também para envio à Ucrânia, mediante ajuda de outras congregações do outro lado da fronteira. As religiosas também têm providenciado o envio de fundos em dinheiro mediante as suas fundações.

Vale recordar que os dados divulgados se referem somente às congregações femininas, e que, além delas, as ordens masculinas e os padres diocesanos da Polônia e da Ucrânia também vêm se desdobrando para ajudar os refugiados de maneiras semelhantes.

Tags:
CaridadefreirasGuerraIgreja CatólicaUcrânia
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia