Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quinta-feira 29 Fevereiro |
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Invasores russos depredam seminário católico na Ucrânia

Invasores russos depredam seminário católico na Ucrânia

Caritas - Spes Zhytomyr | Facebook

Francisco Vêneto - publicado em 11/04/22

Quebraram imagens e "roubaram quase tudo o que pode ser vendido", inclusive cálice da Missa celebrada por São João Paulo II

Os invasores russos depredaram o seminário católico de Vorzel, na Ucrânia, onde quebraram imagens sacras e “roubaram quase tudo o que pode ser vendido”, inclusive o cálice da Santa Missa celebrada por São João Paulo II.

O relato foi publicado via rede social pelo bispo da diocese de Kiev-Zhytomyr, dom Vitaliy Kryvytskyi, com repercussão no portal oficial de notícias do Vaticano.

Dom Vitaliy denunciou:

“Eles roubaram quase tudo o que pode ser vendido. De climatizadores, máquinas de lavar, computadores, roteadores, equipamentos de cozinha, até os tênis velhos do padre reitor. E também alguns objetos sagrados, incluindo um cálice comemorativo da Santa Missa celebrada por João Paulo II em 2001”.

O bispo registrou as impressões sobre o retorno ao seminário após o ataque e os saques perpetrados pelas tropas russas:

“A aparência é triste, mas estamos agradecidos [a Deus] porque todos sobreviveram. A evacuação era necessária. O seminário sempre foi hospitaleiro, mas desta vez não foi tranquilo. Os saqueadores abriram o portão para entrar e não sair de mãos vazias”.

Além do reitor, outros padres e seminaristas também perderam pertences pessoais.

O bispo prossegue:

“Os bárbaros estragaram vários carros. Alguns quartos estão danificados por explosões, mas agradecemos a Deus Todo-Poderoso por salvar a nossa Alma Mater de uma destruição maior. Vai levar tempo até que a vida no seminário se normalize. Não há água, luz, gás. O reitor, o padre diretor espiritual e os diáconos voltaram para as casas frias. Um grupo de homens voluntários ​​chegou para dividir essas condições espartanas e ajudar a recuperar o seminário o mais rápido possível. Obrigado a todos, sinceramente, pela sua coragem e sacrifício! Moradores locais que precisam de ajuda já estão chegando ao seminário. Obrigado pelos vários transportes humanitários que a nossa Caritas diocesana já enviou”.

Registrando os fatos perpetrados no seminário da Ucrânia neste último sábado, o bispo fez menção ao Domingo de Ramos que seria celebrado no dia seguinte:

“Amanhã, Domingo de Ramos, todos os rendimentos das nossas paróquias serão revertidos tradicionalmente ao seminário diocesano. Muito obrigado desde já por qualquer doação! Precisaremos dos fundos para renovar as instalações e reavivar o seminário, para o bem da Igreja. Afinal, a Ucrânia, que será reconstruída após a guerra, também vai precisar de líderes espirituais – sacerdotes. Rezem para que o Senhor chame aqueles a quem Ele escolheu para o Seu ministério especial”.

Tags:
GuerraIgrejaPadresUcrânia
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia