Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quarta-feira 17 Abril |
Aleteia logo
Estilo de vida
separateurCreated with Sketch.

Pais em alerta: “desafio Euphoria” estimula drogas em pó entre crianças

Cocaína

Fure / Shutterstock

Francisco Vêneto - publicado em 13/04/22

A nova modinha, estúpida e potencialmente mortal, simula uso de cocaína com pó obtido de corretivo líquido

O “Desafio Euphoria” é a mais recente “trend”, ou modinha”, que vem crescendo entre crianças e adolescentes em algumas redes sociais, particularmente no TikTok, mas também no Twitter e no Facebook.

De tempos em tempos, modinhas estúpidas e potencialmente mortais se disseminam nessas faixas etárias, apavorando pais e professores e causando tragédias entre os menores. Um dos casos de maior gravidade e repercussão já registrados até hoje, em dezenas de países, foi o famigerado “Desafio da Baleia Azul“, que, em 2017, incentivava a automutilação e o suicídio.

A nova “trend” faz referência à série “Euphoria”, da rede HBO, e consiste em produzir pó a partir de corretivo líquido solidificado, com o objetivo de simular a produção, a venda e a inalação de drogas.

Entre os vídeos que circulam por essas redes sociais, podem ver-se alunos inalando o pó nos intervalos das aulas, em banheiros de escolas ou até mesmo dentro das próprias salas de aula.

A inalação de corretivo, além do risco de intoxicação devido à frequente presença de ingredientes como o etanol e o óxido de titânio, pode danificar as mucosas e agravar doenças inflamatórias das vias aéreas, como rinite e sinusite. Eventuais efeitos psicoativos no organismo dependem da fórmula de cada produto, que pode variar.

De acordo com veículos de imprensa como o portal G1 e a revista Crescer, algumas escolas têm tomado medidas severas para coibir a nova onda, incluindo suspensões e até a solicitação de presença policial. Medidas mais incisivas já foram registradas em estados como São Paulo, Paraná e Santa Catarina.

É possível encontrar nas redes sociais postagens de alunos que presenciaram a suspensão ou mesmo a expulsão de colegas. Várias escolas têm orientado os pais a observarem mais atentamente os filhos e as suas atividades no celular e nas redes sociais.

Quanto à série de televisão “Euphoria”, trata-se de uma produção classificada para maiores de 18 anos e veiculada por um canal pago, mas, ainda assim, tem obtido sucesso entre adolescentes. A série vem recebendo críticas por “glamourizar” o uso de drogas.

Tags:
CriançasDrogasEducaçãoFilhostelevisao
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia