Aleteia logoAleteia logoAleteia
Terça-feira 16 Agosto |
Bem-aventurado Gabriel Maria de Benifayó
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Brasil: as diferentes invocações da Virgem Maria como padroeira dos estados

Este artigo é exclusivo para os membros de Aleteia Premium
APARECIDA

@santuariodeaparecidaoficial

Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil e da capital federal

Ricardo Sanches - publicado em 12/05/22 - atualizado em 12/05/22

Nossa Senhora Aparecida, Nossa Senhora de Nazaré, Nossa Senhora da Seringueira: sabia que cada estado brasileiro ou capital tem um título mariano como padroeira?

No país que tem o privilégio de ter Nossa Senhora Aparecida como padroeira, a imensa devoção de seu povo à Virgem Maria se estende por todo o território. De fato, segundo a Academia Marial de Aparecida, todos os estados brasileiros* (ou capitais) também adotaram uma Nossa Senhora (um título mariano), como padroeira.

Nossa Senhora do Rocio, Nossa Senhora da Seringueira, Nossa Senhora da Vitória, Nossa Senhora da Penha: são várias formas de nomeação de Maria pelos estados, todas marcadas por homenagens que carregam heranças e tradições culturais, históricas e religiosas de cada região do país.

Essa riqueza de fé e devoção à Maria Santíssima está representada na exposição “O rosto mariano do Brasil: Invocações da Virgem Maria como padroeira dos Estados brasileiros ou de suas capitais“.

A mostra, que pode ser conferida no subsolo do Santuário Nacional de Aparecida e através da internet, conta com desenhos ilustrativos e informações históricas sobre as padroeiras dos estados ou suas capitais.

Em entrevista ao programa Magnificat, Vinicius Aparecido de Lima Oliveira, que é o autor da exposição, pesquisador e associado da Academia Marial de Aparecida, explicou que o projeto começou durante a pandemia. Foi quando ele deu início às pesquisas para levantar as informações e a história de cada invocação mariana tida como padroeira dos estados brasileiros, bem como os detalhes da devoção do povo.

“Comecei a fazer a pesquisa e percebi que todos os estados do Brasil tinham uma Nossa Senhora como padroeira. Se o estado não tem, certamente a capital do estado tem um título de Maria como padroeira… O grande diferencial deste projeto teria que ser o motivo pelo qual ela foi eleita a padroeira daquele estado ou daquela capital. Esse foi o grande desafio. Outro desafio foi escolher o artista que faria os desenhos das devoções”, afirmou.

E o artista sacro escolhido foi Leonardo Caetano de Almeida. Ele criou as ilustrações dos títulos de Nossa Senhora a partir das fotografias existentes nos estados.

“Foi importante não perder a identidade daquela imagem antiga pela qual o povo tem uma devoção, mas, ao mesmo tempo, eu tinha que dar uma feição do povo brasileiro, para as pessoas que contemplassem aquela imagem pudessem dizer: ‘É a minha Mãe'”, explicou o artista.

Uma só Maria, várias formas de devoção

Quando perguntado se há diferença na forma de devoção a Nossa Senhora entre as várias regiões do Brasil, o autor da exposição esclareceu:

“O que diferencia é a forma como eles prestam a homenagem à Maria. É muito comum o povo de cada região tratar Maria do jeito como eles vivem…. O que é igual em todos os lugares é a certeza que Maria é a Mãe de todos nós”.

Oliveira ainda destacou:

“Maria aparece em cada região na forma daquele povo, para que aquele povo se sinta mais próximo dela. Então, eu vejo em todos esses títulos que nós coletamos durante dois anos de pesquisa uma Mãe que está perto do seu povo, uma Mãe que se vestiu como o seu povo para estar neste caminho do desterro com o seu povo”.

As padroeiras

De acordo com a pesquisa, esta são as invocações à Virgem Maria como padroeira dos estados brasileiros ou capitais:

– Acre: Nossa Senhora da Seringueira;

– Amapá*, Pará e Rondônia: Nossa Senhora de Nazaré;

– Amazonas e Cuiabá (MT): Nossa Senhora da Conceição;

– Pernambuco e Roraima: Nossa Senhora do Carmo;

– Tocantins: Nossa Senhora da Natividade;

– Bahia: Nossa Senhora da Conceição da Praia;

– Maranhão e Piauí: Nossa Senhora da Vitória;

– Sergipe: Nossa Senhora Divina Pastora;

– Rio Grande do Norte: Nossa Senhora da Apresentação;

– Paraíba: Nossa Senhora das Neves;

– Fortaleza (CE): Nossa Senhora da Assunção;

– Maceió (AL): Nossa Senhora dos Prazeres;

– Mato Grosso do Sul: Nossa Senhora do Perpétuo Socorro;

– Espírito Santo, Rio de Janeiro e São Paulo: Nossa Senhora da Penha;

– Florianópolis (SC): Nossa Senhora do Desterro;

– Porto Alegre (RS): Nossa Senhora dos Navegantes;

– Minas Gerais: Nossa Senhora da Piedade;

– Goiás: Senhora Santana;

– Paraná: Nossa Senhora do Rocio;

– Brasília (DF): Nossa Senhora Aparecida.

Clique aqui para ver a história e a ilustração de cada padroeira.

*Nota: Segundo o autor da exposição, o estado do Amapá tem São José como padroeiro oficial. Entretanto, Vinicius Aparecido de Lima Oliveira considera que isso “parece não ter muito sentido quando nos deparamos com a devoção dos Amapaense à Nossa Senhora de Nazaré e sua célebre festa do Círio realizada na capital Macapá desde 1934.”

Brasil: as diferentes invocações da Virgem Maria como padroeira dos estados
Leia também:

Este artigo é exclusivo para os membros Aleteia Premium

Já é membro(a)? Por favor,

Grátis! - Sem compromisso
Você pode cancelar a qualquer momento

1.

Acesso ilimitado ao conteúdo Premium de Aleteia

2.

Acesso exclusivo à nossa rede de centenas de mosteiros que irão rezar por suas intenções

3.

Acesso exclusivo ao boletim Direto do Vaticano

4.

Acesso exclusivo à nossa Resenha de Imprensa internacional

5.

Acesso exclusivo à nova área de comentários

6.

Anúncios limitados

Apoie o jornalismo que promove os valores católicos
Apoie o jornalismo que promove os valores católicos
Tags:
BrasilDevoçãoMaria
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia