Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sexta-feira 09 Dezembro |
São Cipriano de Genouillac
Aleteia logo
Espiritualidade
separateurCreated with Sketch.

Papa Francisco: desabafar e protestar com Deus também é oração

Desabafar com Deus

Pedro Dias-(CC BY-ND 2.0)

Francisco Vêneto - publicado em 18/05/22

Afinal, Deus é Pai: "Ele não se assusta com a nossa oração de protesto: Deus compreende"

Desabafar e protestar com Deus também é oração, afirmou hoje o Papa Francisco durante a audiência geral das quartas-feiras, na Praça de São Pedro.

Ele deu andamento à série de catequeses sobre a velhice e abordou hoje o livro de Jó, um homem que, nas palavras do Papa, “compreendeu o mistério da ternura de Deus escondida por detrás do Seu silêncio”.

Provações muito pesadas

Segundo Francisco, o livro de Jó representa de modo dramático e exemplar “o que acontece na vida”. E explicou:

“Sobre uma pessoa, sobre uma família ou sobre um povo, recaem provações muito pesadas, provações desproporcionais em relação à pequenez e à fragilidade humanas”.

Dando exemplos, o Papa mencionou “os pais de crianças com deficiências graves” ou “aqueles que vivem com uma enfermidade permanente”, situações que, muitas vezes, ainda são “agravadas pela escassez de recursos econômicos”.

“Em certos momentos da história, parece que esses acúmulos de fardos chegam todos juntos. Isto foi o que aconteceu nos últimos anos com a pandemia da covid-19 e com o que agora está acontecendo na guerra na Ucrânia”.

Desabafar com Deus

O Papa observou então que os filhos de Deus podem “protestar” diante d’Ele e desabafar com Deus pelos problemas e situações dolorosas da vida, porque “o protesto é um modo de oração”:

“Se você tem alguma chaga no coração, alguma dor, e tem vontade de protestar, então proteste também diante de Deus. Deus escuta você. Deus é Pai. Deus não se assusta com a nossa oração de protesto! Deus compreende”.

Como numa família

Afinal de contas, é normal e até desejável, dentro de uma família, que os filhos saibam desabafar com confiança e transparência diante dos pais, em vez de guardarem sentimentos sufocados que um dia poderiam explodir.

É verdade que às vezes acontecem exageros injustos na forma do desabafo, mas isto pode ser equilibrado e corrigido mediante o diálogo, a abertura, a capacidade de ouvir o outro.

Desabafar com Deus é semelhante: Ele entende perfeitamente os nossos desafogos. Precisamos nos abrir – mas também saber escutá-Lo.

Tags:
DeusEstresseMedoOraçãoraiva
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia