Aleteia logoAleteia logoAleteia
Domingo 04 Dezembro |
São Bernardo, bispo de Parma
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Padre é espancado e amordaçado na Costa Rica

COSTA RICA

Facebook

Pablo Cesio - publicado em 19/05/22

Crime comoveu a população; Igreja alerta para o aumento da violência e do narcotráfico no país

O padre Adalberto Dorati, pároco da diocese de Limón, na Costa Rica, foi violentamente agredido na noite de domingo, 15 de maio, segundo relatos da mídia local.

“Ele foi brutalmente agredido e, graças a Deus, está bem e em processo de recuperação”, foi o que informou a diocese de Limón logo após o ocorrido.

No entanto, quando mais detalhes se tornaram conhecidos, surgiram também outras vozes que detalharam a violência contra o padre.

Segundo a Teletica, dois criminosos armados assaltaram a igreja de Campo 2 de Cariari naquela área de Limón. Eles espancaram o sacerdote, amordaçaram-no e o roubaram.

“Quando era quase meia-noite, os paroquianos souberam do ataque e foram ajudá-lo. [Os criminosos] amarraram suas mãos e pés, e enfiaram muitos trapos em sua boca. [O padre] conseguiu sair e gritar. Felizmente eles ouviram”, informou a Teletica.

O crime contra o padre Dorati coincidiu com o dia da festa em homenagem ao padroeiro San Isidro Labrador, ocasião em que também houve arrecadação de fundos para melhorias na igreja.

“Eram dois assaltantes, eles procuravam dinheiro e, por isso, bateram nele porque não tinha dinheiro. Agiram com violência, levaram o celular dele e o da paróquia, bem como dois computadores, o pessoal e o da paróquia”, acrescentou o meio de comunicação.

Após o ataque, o padre foi transferido para um centro médico com vários ferimentos. O crime causou comoção na Costa Rica, onde a violência também se tornou tema de muita discussão.

A mensagem da Igreja diante de tanta violência

“Nas últimas horas, a Diocese de Limón, por meio de seu bispo, Javier Román Arias, nos alertou para eventos que condenamos e que deveriam nos chamar a todos para agir. Nosso grito inicial é às autoridades para que possam implementar as ações necessárias para lidar efetivamente com o crime” , expressou a Igreja da Costa Rica.

“Os atos de violência, nas últimas horas, contra um padre, na paróquia onde presta seu serviço, e o assassinato de uma pessoa em um centro educacional, enchem-nos de dor e luto em nossa sociedade. Somos solidários com a província de Limón, com todas as pessoas de boa vontade que habitam este amado território”, continuou a Igreja.

Nesse sentido, a Igreja também destacou o aumento da violência, do crime e até do narcotráfico na Costa Rica.

“É inaceitável que, aos olhos de pessoas boas e honestas, a onda de corrupção e crime esteja causando estragos em nossa sociedade”, disse a Igreja.

Tags:
PadresViolência
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia